O Carnaval capixaba

Foi na década de 50 que surgiu o primeiro desfile de blocos do carnaval de Vitória. Boa parte desses grupos originaram as principais escolas de samba da Grande Vitória, de acordo com registros históricos.

Inicialmente, os desfiles eram realizados nas avenidas Nossa Senhora da Penha (Reta da Penha), Jerônimo Monteiro e Princesa Isabel. Em 1987, com a inauguração do Sambão do Povo, as apresentações foram transferidas para o bairro Mario Cypreste.

Mesmo com “casa nova”, as escolas de samba deixaram de desfilar por cinco anos, a partir de 1993. A suspensão foi um protesto contra a falta de apoio do poder público. Em 1998, as agremiações decidiram voltar a desfilar, na avenida Jerônimo Monteiro, pois alegavam que a estrutura do Sambão não era satisfatória. No entanto, os desfiles realizados entre 1998 e 2001 não envolviam competição.

Em 2002, as apresentações voltaram a ser realizadas no Sambão do Povo, com disputa entre as agremiações e com três dias de duração. A quinta-feira era dedicada ao Grupo de Acesso, a sexta ao Grupo B, e o sábado ao grupo A.

A partir de 2016, os desfiles foram reduzidos a dois dias. Neste novo formato, os desfiles do Grupo A acontecem na sexta, e o Grupo Especial se apresenta no sábado.

CONHEÇA AS ESCOLAS

Últimas Notícias

Oferecimento