Amor offiline

Hora de dormir: você deita na cama, pega seu telefone e lá começa a deslizar o dedo pela tela do celular. Ao passo em que rola o feed da sua rede social, você até levanta um pouco os olhos para ver o que está acontecendo ao redor. Seu parceiro faz o mesmo, segue com os olhos fixados na tela do smathphone. Se identificou? Aposto que sim! Essa cena tem sido bem corriqueira na vida de muitos casais, o telefone tem tomado um espaço que não deveria. Tecnologia é sim muito bem vinda, mas não permita que ela ocupe tanto tempo e invada ambientes e momentos que poderiam ser muito bem aproveitados a dois. Está na cama? Aproveite para conversar com seu parceiro, esteja com ele e dedique esse tempo para ele.

É preciso reconhecer e dar necessária atenção à relação. Quando digo isso, quero dizer que é fundamental se dedicar! O aparelho celular pode até ser bom para falar com um amigo ou parente distante, mas ele jamais substituirá o encontro promovido por dois corpos em contato. Um beijo, um abraço e até um aperto de mão são muito mais calorosos que qualquer mensagem na telinha.

Rotina todos nós temos, mas saber administrá-la é fundamental para um bom relacionamento. Boa parte do nosso tempo, passamos fora de casa, mas quando se está nesse ambiente é preciso “estar” literalmente nele, de corpo e mente.  Você já parou para pensar em quanto tempo tem investido na sua relação? Você presta atenção no que o outro fala? Olha nos olhos dele (a)? Tenha essa conexão! Sinta o toque, o cheiro e de forma alguma permita que influências externas (que você pode controlar, como o celular) prejudiquem esses momentos.

Se volte para outro, namore, deseje e promova o desejo no outro. Sinta e provoque! Permita que na cama o único toque na tela do seu telefone seja para desligá-lo e aproveite a noite com toques reais!

 

 

(517Publicações)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados com *