Flamengo revela que Ederson será operado para retirada de massa residual

 Versão para impressão  

Rio - O meia Ederson viverá nos próximos dias uma nova página na luta contra um câncer nos testículos. O Flamengo informou nesta segunda-feira que o jogador precisará ser submetido a uma nova cirurgia, para a retirada de massa residual, em mais uma etapa em busca da recuperação total.

"Após a realização dos exames informados pelo Dr. Márcio Tannure em coletiva de imprensa, o atleta Ederson será submetido à cirurgia para retirada de massa residual. O procedimento será feito nos próximos dias pelo Dr. Franz Campos #ForçaEderson", informou o clube nas redes sociais.

Ederson havia retornado às atividades no fim de outubro, quando realizou um treino físico na academia do clube. Havia até a expectativa de que ele pudesse voltar a atuar nesta reta final do Campeonato Brasileiro, o que acabou não acontecendo.

Ederson revelou que havia sido diagnosticado com um câncer nos testículos no fim de julho e foi operado para a retirada do tumor três dias depois. De lá até o início de outubro, realizou sessões de quimioterapia.

 Versão para impressão  

MAIS LIDAS

Jornal Folha Vitória
Todos os direitos reservados © 2007-2016