PAI e a vida emocional dos filhos

Ola!

Quando falamos de gestação, bebês, crianças é comum associarmos diretamente a figura da mãe.

Mas hoje quero falar com o PAI.

IMG_0783

 

Tenho recebido muitos contatos de mães que, a partir dos conteúdos disruptivos que eu tenho por missão disseminar, têm mudado sua visão sobre a criança e sobre a infância mas têm enfrentado uma barreira muito grande em relação à visão e à prática dos PAIS.

Quero trazer aqui um trecho divulgado por um artigo da Associação Americana de Psicologia que afirma que “as memórias de uma relação calorosa com o pai durante a infância estão diretamente relacionadas com a capacidade para enfrentar o estresse do dia a dia”. O pai consciente e bem preparado desempenha um papel fundamental na saúde mental dos seus filhos, e isso é sentido pela pessoa e por todos ao seu redor até a idade adulta.

Não se trata de repetir o modelo de educação recebido.

Se fosse assim as doenças relacionadas ao stress não estariam crescendo tanto nos dias de hoje. Trata-se de estudar para ser PAI. A melhor versão de PAI que você puder ser para deixar à sua criança a chance de ser a mais potente e a melhor versão dela mesma na vida.
Informe-se! Comprometa-se! Conscientize-se!
A gente precisa dos PAIS conscientes e dispostos a reverem alguns de seus velhos conceitos e suas velhas práticas para conseguirmos mudar o mundo!
Marque aqui um pai que pode ser ainda melhor!

Isa Minatel

#familia #desenvolvimentoinfantil #coach #crianças #educação #paisefilhos #educaçãoinfantil #infancia #psicopedagogia #inteligenciaemocional #psicologia #comportamento #dicas #maternagem #paternidade #mãe #pai #maedeprimeiraviagem #niños #baby #gestante #vidademae #escola #creche #kids #brain #children #IsaMinatel #disciplinapositiva

(451Publicações)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>