ES Solidário abraça a causa e apoia a campanha Outubro Rosa

Todos os anos, o mês de outubro recebe uma coloração especial. Pelas ruas das cidades, prédios, monumentos históricos e pontos turísticos ficam iluminados com o rosa e as pessoas adotam a cor nas roupas ou em pequenos laços para demonstrar apoio à campanha que alerta para a importância da prevenção do câncer de mama.

Pensando nisso, a Rede Vitória realiza mais uma edição da Campanha Espírito Santo Solidário. A quarta campanha de 2017 é realizada em parceria com a Associação Feminina de Educação e Combate ao Câncer (Afecc) do Hospital Santa Rita de Cássia, que se empenha em mais uma campanha Outubro Rosa.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a cada ano são diagnosticados cerca de mil novos casos da doença no Espírito Santo. Esse tipo de câncer é o que provoca o maior número de mortes de mulheres no país. Em 2016, foram registrados mais de 300 casos da doença no Estado. Por isso, é sempre importante lembrar do exame de prevenção do câncer de mama.

O gesto concreto desta edição do ES Solidário vai arrecadar fraldas geriátricas tamanho G. Para doar, basta levar o produto a qualquer unidade da Rede Farmes no Espírito Santo. O que for arrecadado será entregue à Afecc e destinadas para os pacientes que fazem tratamento pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Campanha Outubro Rosa

O Outubro Rosa surgiu nos Estados Unidos, na década de 1990, para incentivar o alerta contra o câncer de mama. Com o tempo, instituições e governos em todo o mundo aderiram à essa iniciativa em favor do diagnóstico precoce do câncer de mama. Em 2010, a Afecc-Hospital Santa Rita de Cássia trouxe a campanha para o Espírito Santo e, desde então, é a coordenadora oficial do movimento em terras capixabas.

Entre as ações para chamar a atenção da população, a Afecc incentiva o uso da camiseta da campanha. Cerca de 40 mil unidades são disponibilizadas em inúmeros pontos da cidade para que pessoas adquiram as peças e se tornem divulgadoras do movimento, intensificando ainda mais o alerta para a importância da detecção precoce da doença.

 

(243Publicações)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>