18 fev 2011

Funcionárias de escola são indiciadas após morte de criança afogada em Cachoeiro

Publicado às 15:44 | Postado por Folha Vitória

O inquérito sobre a morte da pequena Bruna Martins Cunha Roriz de seis anos, ocorrido no final de 2010 na Escola IPÊ, em Cachoeiro de Itapemirim, foi concluído. Duas Professoras e uma estagiária incorreram em homicídio culposo, que é sem a intenção de matar. A escola não foi indiciada, pois atendia todas as exigências que a Lei determina.

Segundo o Delegado Titular da Delegacia de Crimes Contra a Vida (DCCV) de Cachoeiro, Guilherme Eugênio, a pena pode chegar a dois anos de reclusão, porém acredita que as professoras terão abrandamento da pena e dificilmente terão a liberdade cerceada. Segundo o delegado, as professoras se descuidaram por instantes das crianças, momento em que Bruna voltou, sem bóia, para a piscina e morreu afogada.

Relembre o caso

A estudante Bruna da Cunha Roriz, 6, moradora do bairro Recanto, morreu na tarde de ontem, vítima de afogamento na piscina de uma escola particular de Cachoeiro de Itapemirim-ES (IPÊ), que funciona no bairro Campo do Leopoldina. De acordo com a diretora Luizete Azeredo, um grupo de crianças estava tomando banho na piscina do estabelecimento numa festa de encerramento do ano letivo.

No final da confraternização, uma das professoras retirou as bóias das crianças e, momento depois percebeu que Bruna havia caído dentro da piscina. A criança foi socorrida e encaminhada para um hospital particular de Cachoeiro, mas a estudante não resistiu e morreu.

Familiares de Bruna entraram em estado de choque ao tomarem conhecimento da morte da criança. Uma das tias da menor, Elenir Martins, desabafou dizendo “Ela era filha única e a mãe dela fez um tratamento de quase cinco anos para se engravidar”, disse. “Eu acho que houve negligência da escola, pois nada justifica a morte da minha sobrinha que estudava há cinco anos naquela escola”, afirmou.

“Inclusive, a mãe de Bruna havia comprado uma bicicleta como presente de Natal e que seria entregue amanhã (hoje)”, concluiu.

A direção da escola, por sua vez, disse que irá se responsabilizar pelo acidente e arcar com todas as conseqüências da tragédia que abalou a família e todos professores e alunos da escola Ipê. O corpo foi encaminhado do DML onde foi constatada a morte por afogamento.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:

Faça seu comentário

*O e-mail não será divulgado no seu comentário

Alterando sua foto

Para a sua foto aparecer em seus comentários, é só seguir os passos abaixo:

- Faça um cadastro no site Gravatar (link: www.gravatar.com), com upload da foto.
- Ao comentar nas postagens, preencha o campo com o mesmo e-mail que você cadastrou no Gravatar.


4Ps Agência Digital agência digital 2007 - FOLHA VITÓRIA - Todos os direitos reservados - Anuncie - Expediente - Cadastro - Fale Conosco - Política de Privacidade - RSS