Projeto de inclusão digital em presídio reduzirá a pena de detentos

pos-30-14-11-img-01

Muito além da redução de 03 dias de pena, o projeto de inclusão digital “PID-Redenção” proporciona a um grupo de detentos conhecimentos básicos de informática, que são essenciais para o seu reingresso no mercado de trabalho.

São 36 horas de treinamento sobre Word, Excel, Powerpoint e internet, que neste semestre acontece no Complexo Penitenciário do Xuri, em Vila Velha, em parceria com a Defensoria Pública do Estado do Espírito Santo.

Atualmente, 15 detentos participam do projeto que é realizado pela Unidade de Computação e Sistemas da FAESA. Os instrutores são os próprios professores e alunos da Unidade.

PID FAESA

pos-30-14-11-img-02

Neste semestre, o PID FAESA atua no Complexo Penitenciário, mas o Projeto de Inclusão Digital existe desde 2004, com o objetivo de levar conhecimentos sobre a utilização das Tecnologias da Informação e Comunicação, além de conscientizar e instruir as pessoas sobre como operar as tecnologias com competência e segurança.

Escolas, comunidades da Grande Vitória e também da Amazônia já foram contempladas pelo projeto. Ao todo, foram mais de 600 pessoas beneficiadas.

(34Publicações)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados com *