18/12/2013 às 16h38 - Atualizado em 18/12/2013 às 16h38

Chuvas: saiba como agir em caso de desastres naturais

Folha Vitória
Redação Folha Vitória

Divulgação/PrefeituraO período com maior probabilidade de chuvas fortes e outros desastres naturais vai do fim do ano até o término do verão, em março. O Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) emitiu um alerta de ocorrência de fortes chuvas na Grande Vitória durante toda esta quarta-feira (18). A previsão é que o tempo continue chuvoso até domingo (22).

Em Cariacica, há um Comitê de Prevenção de Desastres Naturais para tomada de decisões conjuntas em situações de urgência e emergência, composto pelas secretarias municipais de Governo, Assistência Social, Saúde, Serviços e Trânsito, Obras, Meio Ambiente, Comunicação e de Agricultura.

A Defesa Civil municipal integra o comitê e deve ser acionada em caso de necessidade pelos telefones 98831-6000 e 3346-6111. O serviço funciona 24h.

Veja, abaixo, como agir antes, durante e depois de cada situação de perigo

Chuvas

Antes: Não jogue lixo ou entulho em córregos e canais, para não obstruir a passagem da água; Não construa próximo a córregos que possam inundar; Não construa em cima de barrancos que possam deslizar, carregando sua casa; Não construa embaixo de barrancos que possam deslizar, soterrando sua casa.

Durante: Se o nível de água estiver subindo, vá com sua família para um lugar seguro; Não deixe crianças brincando na enxurrada ou nas águas dos córregos, pois podem ser levadas pela correnteza ou contaminar-se, contraindo graves doenças, como hepatite e leptospirose.

Depois: Não use equipamentos elétricos que tenham sido molhados ou em locais inundados, pois há risco de choque elétrico e curto-circuito; Cuidado com a água que for beber: veja se não foi contaminada pela inundação, o que traz sérios riscos à saúde; Cuidado também com os alimentos: os atingidos pela água estão contaminados; Em caso de febre, vômitos, diarreias, dores de cabeça ou no corpo, se tiver qualquer outro sintoma de doenças ou alguma dúvida sobre os procedimentos seguros, procure imediatamente a unidade de Saúde mais próxima.

Enchentes

Antes: Informe-se sobre abrigo em locais altos e secos; Coloque em lugares altos seus móveis e utensílios; Retire os animais de estimação de casa; Desligue aparelhos elétricos; Feche bem as portas e janelas.

Durante: Primeiramente, salve sua vida e proteja a das pessoas próximas a você. Se precisar retirar algo de casa, peça ajuda ao Corpo de Bombeiros e à Defesa Civil; Proteja-se com calçados e botas. Evite acidentes. Evite contato com águas da enchente, pois estão contaminadas e podem provocar doenças e acidentes.

Depois: Lave e desinfete os objetos que tiveram contato com águas da enchente; Não use água de fontes naturais e poços depois da enchente, pois estão contaminadas. Informe-se na unidade de Saúde mais próxima.

DeslizamentosDivulgação

Antes: Não se deixe enganar por promessas fáceis e ilusórias para obter um lote ou uma casa em morros ou áreas de risco. Os riscos de desastres são muito altos. Não desmate morros e encostas para assentamento de casas e outras construções. Avise aos seus vizinhos sobre o perigo, no caso de casas construídas em áreas de risco de deslizamento. Você pode fazer com a sua comunidade um plano de evacuação. Se você observar o aparecimento de fendas, depressões no terreno, rachaduras nas paredes das casas, inclinação de tronco de árvores, de postes e o surgimento de minas d’água, avise imediatamente a Defesa Civil; Você pode consertar vazamentos o mais rápido possível e não deixar a água escorrendo pelo chão. O ideal é construir canaletas; Não jogue lixo em vias públicas ou barreiras, pois ele aumenta o peso e o perigo de deslizamento; Não faça cortes nos terrenos de encostas sem licença da Prefeitura; Solicite à Defesa Civil, em caso de morros e encostas, a colocação de lonas plásticas nas barreiras; Em morros e encostas, não plante bananeiras e outras plantas de raízes curtas, porque as raízes dessas árvores não fixam o solo e aumentam os riscos de deslizamento; Em morros e encostas não plante mamão, fruta-pão, jambo, coco, banana, jaca e árvores grandes, pois acumulam água no solo e provocam quedas de barreiras.

Durante: Convença as pessoas que moram nas áreas de risco a saírem de casa durante as chuvas; Se você observar um princípio de deslizamento, avise imediatamente a Defesa Civil do seu Município e o Corpo de Bombeiros, bem como o máximo de pessoas que residem na área do deslizamento; Afaste-se e colabore para que curiosos mantenham-se afastados do local do deslizamento, poderá haver novos deslizamentos; Não se arrisque sem necessidade, não entre no local do deslizamento, somente pessoas especializadas em salvamento podem entrar; Não permita que crianças e parentes entrem no local do deslizamento; Não conteste as orientações do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil.

Desabamentos

Durante: Em caso de desabamento, não fique próximo ao local, pois a área pode sofrer novos desabamentos; Avise imediatamente ao Corpo de Bombeiros e à Defesa Civil; Ajude as pessoas que estão saindo do local desabado; Evite arriscar-se sem necessidade; Se for o caso, procure desligar a quadro elétrico da edificação desabada; A área deve ser evacuada; O local atingido deve ser abandonado com rapidez, mas organizadamente, sem correria; As instruções do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil deverão ser seguidas sem ser contestadas.

Raios

Durante: Durante as tempestades saia somente se for necessário; Não retire nem coloque roupa em varais de arame durante a tempestade; Mantenha-se afastado e não trabalhe em cercas, alambrados, linhas telefônicas ou elétricas e estruturas metálicas; Não opere tratores ou máquinas, especialmente para rebocar equipamentos metálicos; Se estiver viajando, permaneça no automóvel; Busque refúgio no interior de edifícios; Não permaneça dentro d’água durante tempestades; Permaneça longe de portas e janelas; Não utilize aparelhos eletrodomésticos, mantenha-os desligados e desconecte a antena externa do televisor; Use o telefone fixo somente em uma emergência; Certifique-se que a tempestade passou completamente antes de prosseguir seu caminho.

Vendavais

Antes: Como a maioria das residências de família de baixa renda não oferece segurança, a Defesa Civil poderá orientar como reforçar os telhados; É necessário cortar árvores ou deslocar postes de luz que possam cair sobre casas; Verificar a estrutura da casa, principalmente o madeiramento de apoio do telhado; Desligar os aparelhos elétricos e o gás; Abaixar para o piso todos os objetos que possam cair.

Após: Ajude na limpeza e recuperação da área onde se encontra, começando pela desobstrução das ruas e outras vias; Ajude seus vizinhos que foram atingidos; Evite o contato com cabos ou redes elétricas caídas. Avise à Defesa Civil ou aos Bombeiros sobre estes perigos; Procure não utilizar serviços hospitalares e de comunicações, a não ser que necessite realmente. Deixe estes serviços para os casos de emergência.

A Rede Vitória faz parte do
4Ps Todos os direitos reservados © 2007-2014