19/12/2013 às 12h3 - Atualizado em 19/12/2013 às 15h44

Duas pessoas morrem e 16,3 mil deixam suas casas por causa da chuva no ES

Folha Vitória
Redação Folha Vitória

ReproduçãoSubiu para 16.303 o número de capixabas que precisaram deixar suas casas após as fortes chuvas que atingiram o Espírito Santo.

De acordo com a Defesa Civil Estadual, 1.768 pessoas estão desabrigadas, 14.535 estão desalojadas e 2.767 edificações estão danificadas. No Norte do Estado, duas pessoas morreram, uma em Colatina e outra em Nova Venécia.

Até a manhã desta quinta-feira (19), nove municípios elaboraram documentação para decretar situação de emergência ou estado de calamidade pública devido às fortes chuvas: Rio Bananal, Castelo, Bom Jesus do Norte, Vargem Alta, Cachoeiro de Itapemirim, Ecoporanga, Mimoso do Sul, Laranja da Terra e São Domingos do Norte. 

Veja as fotos dos estragos causados pela chuva no ES

Ainda de acordo com a Defesa Civil, os municípios mais afetados no Estado são: Cariacica, Viana, Vila Velha, Serra, Vitória, Itaguaçu, Conceição do Castelo, Itarana, Muniz Freire, Santa Leopoldina, Santa Maria de Jetibá, Castelo, Laranja da Terra, Vargem Alta, Agua Doce do Norte, Aguia Branca, Alto Rio Novo, Aracruz, Barra de São Francisco, Colatina, Conceição da Barra, Fundão, Linhares, Ibiraçu, Mantenopolis, Nova Venecia, Rio Bananal, São Domingos do Norte, São Mateus, Bom Jesus do Norte, Cachoeiro de Itapemirim, Guarapari e Ibatiba. 

A Secretaria Nacional de Defesa Civil emitiu um alerta de risco máximo de alagamento no município de Santa Leopoldina. Em outros municípios também há riscos de inundação e deslizamento de terra. Nesses locais, os coordenadores de Defesa Civil foram informados da situação e caso seja necessário, vão orientar à população para deixarem as áreas de risco.

A Rede Vitória faz parte do
4Ps Todos os direitos reservados © 2007-2014