19/12/2013 às 17h13 - Atualizado em 19/12/2013 às 20h34

Viana decreta estado de emergênciapor causa das chuvas

Folha Vitória
Redação Folha Vitória

DivulgaçãoA Prefeitura de Viana declarou situação de emergência porque diversas áreas do município foram afetadas por inundações, enxurradas e alagamentos. Até o final da tarde, a cidade tinha 194 pessoas desabrigadas e uma estimativa de 257 desalojadas.

O prefeito Gilson Daniel sobrevoou as áreas atingidas na manhã desta quinta-feira (19).

A secretaria de Defesa Social, por intermédio da coordenação de Defesa Civil, avaliou o período de chuvas com precipitação de 118 milímetros, contabilizando nos últimos 30 dias o total de 593,8 milímetros, apurados pelos pluviômetros instalados em locais estratégicos. Somado ao grande volume de água que resultam das chuvas nas serras capixabas, ocasionou a condição de estado de emergência.

Centenas de residências foram inundadas com danos em suas instalações elétricas, hidráulicas, bem como nas coberturas. Muitas dessas famílias tiveram os eletrodomésticos e a mobília danificados.

Os bairros que foram mais afetados com as constantes e intensas chuvas que estão atingindo a cidade desde o dia 16 de dezembro são: Santo Agostinho, Bom Pastor, Morada de Bethânia, Vila Bethânia, Campo Verde e Coqueiral de Viana.

Veja as fotos com os estragos causados pela chuva no  Espírito Santo

A Rede Vitória faz parte do
4Ps Todos os direitos reservados © 2007-2014