Novo incêndio em área de turfa na Serra pode ter sido provocado por ação humana

Contra o fogo, os homens do Corpo de Bombeiros utilizam a água de um canal no município. A água segue por mangueiras direto para a vegetação atingida pelas chamas

 Versão para impressão  
Além dos bombeiros, prestadores de serviço à Companhia Espírito Santense de Saneamento (Cesan) trabalham noite e dia, para controlar o fogo Foto: TV Vitória

O incêndio que atinge uma área de vegetação de 60 mil metros quadrados, no município da Serra, pode ter sido provocado por ação humana. A suspeita é do Corpo de Bombeiros Militar do Espírito Santo (CBMES), que utiliza bombas de captação de água para combater as chamas.

Contra o fogo, os homens do Corpo de Bombeiros utilizam a água de um canal no município. A água segue por mangueiras direto para a vegetação atingida pelas chamas, que é equivalente a seis campos de futebol.

Além dos bombeiros, prestadores de serviço à Companhia Espírito Santense de Saneamento (Cesan) trabalham noite e dia, para controlar o fogo, inclusive, na turfa, material orgânico depositado abaixo do solo.

A operação de combate ao incêndio foi iniciada na última quarta-feira (19). O Corpo de Bombeiros deve concluir, em 20 dias, a perícia que vai apontar a causa do que ocorre no local. 

No momento, quatro equipes estão trabalhando no local, que é monitorado 24 horas por dia para evitar a propagação do incêndio. Os trabalhos na área não tem prazo pra acabar. Sobre os incômodos provocados pela fumaça, na Grande Vitória, os bombeiros pedem paciência à população.

TAGs

  • bombeiros
  • cesan
  • fogo
  • incêndio
  • serra
  • turfa
 Versão para impressão  

MAIS LIDAS

Jornal Folha Vitória
Todos os direitos reservados © 2007-2016