| 5/4/2011 às 12h50 - Atualizado em 5/4/2011 às 17h21

Estudante é torturada e estuprada por dois homens a caminho da escola em Vitória

TV Vitória
Redação Folha Vitória

Foto: Reprodução TV Vitória
Uma adolescente de apenas 16 anos viveu momentos de pânico após ser capturada por dois criminosos em Vitória. Ela foi torturada e estuprada por eles durante quatro horas. Tudo aconteceu quando a menor ia para a escola e foi rendida na praça de Goiabeiras. Segundo a adolescente, eles pararam o carro para pedir uma informação e, quando ela tentou ajudar, foi agarrada e obrigada a entrar no veículo. 

A menor contou que foi levada para uma casa onde foi violentada, queimada com cigarro e arranhada com cacos de vidro. "Eles falaram que eu escapei da morte e que, se eu contar para a polícia, vou pagar por isso. Comentaram que eu moro na área deles e que a polícia não entra lá não", lamentou.

Ela contou que foi torturada por que não fez o que os bandidos queriam. "Eles pediram para eu fazer sexo oral. Como eu não quis, me queimaram com cigarro. Eu pedi para eles não fazerem aquilo comigo, mas o bandido falou que já tinha tempo que sentia desejo por mim. Quando eles viram que eu chorava muito desesperada, falaram que não iam fazer nada de ruim comigo, que só iam me desejar", acrescentou.

Depois de cometerem o crime, os acusados colocaram a vítima dentro do carro e a abandonaram em um matagal. Além do medo das ameaças, a família da jovem sofre com o sentimento de impunidade. Por conta do crime, a mãe disse que já está pensando em tirar a menina da escola. "Estou sofrendo muito com isso e agora eu não sei o que fazer. Não deixo mais ela andar sozinha. Eu acho que mais esse caso ficará impune. Vemos casos sempre e nunca existem resultados. Vou entregar nas mãos de Deus", reclamou.  

A Rede Vitória faz parte do
4Ps Todos os direitos reservados © 2007-2014