| 18/6/2012 às 13h23 - Atualizado em 18/6/2012 às 18h53

Mãe acusa filho de estuprar e engravidar a própria irmã de apenas 13 anos na Serra

TV Vitória
Redação Folha Vitória

Reprodução TV VitóriaUma auxiliar de obras de 39 anos vive um drama familiar. Ela acusa o filho de 22 anos de abusar e engravidar a própria irmã de apenas 13 anos de idade. A vítima contou que os abusos acontecem há um ano.

“Eu dava de tudo. Carinho e amor para todos eles. O que podia eu dava. Pedia comida para eles no meu serviço. Não acreditava que ele poderia fazer uma maldade com a minha própria filha. Isso eu não queria ver. Ainda mais quando eu soube que a minha filha estava grávida do meu próprio filho, entrei em desespero”, disse a mulher.

A adolescente vive com a mãe e quatro irmãos. Os dois mais novos, de cinco e três anos, dizem que o mais velho é agressivo e violento. “Ele batia na minha mãe”, contou a menina.

A auxiliar de obras descobriu que a filha estava sendo abusada pelo irmão há um mês. A adolescente dormia em um dos quartos com os irmãos menores quando a mãe, que dormia no quarto ao lado, se levantou de madrugada e flagrou o estupro no chão da sala.

“Caso seja comprovado, ele responderá por estupro de vulnerável numa situação ainda agravada porque é irmão”, explicou o delegado Marcelo Nolasco.

O delegado disse ainda que, neste caso, o aborto é legal e que a decisão é da família. “Eu sou contra o aborto, mas não sei o que vai ser da minha filha porque ela não quer abortar. Não sei como é que vai nascer uma criança do próprio irmão. Não sei o que fazer. Quero justiça porque isso que ele fez com a própria irmã, ele pode fazer com outras pessoas. Estou com muito medo do meu próprio filho”, lamentou a auxiliar de obras.

  

  

A Rede Vitória faz parte do
4Ps Todos os direitos reservados © 2007-2014