Joalheria assaltada em Campo Grande calcula prejuízo de R$ 15 mil

O estabelecimento fica localizado na avenida Expedito Garcia, principal ponto de comércio do município. Toda a ação foi registrada pela câmera de segurança do local

 Versão para impressão  
Toda a ação durou cerca de 40 segundos
Foto: TV Vitória

Um assalto à uma joalheria localizada em Campo Grande, Cariacica, deixou o prejuízo calculado em pelo menos R$ 15 mil. O crime aconteceu na última quarta-feira (17), por volta do meio dia.

O estabelecimento fica localizado na avenida Expedito Garcia, principal ponto de comércio do município. As imagens da câmera de segurança flagraram toda a ação do assaltante.

Nelas, é possível observar a chegada de um homem, que entra na loja com uma mochila e um capacete nas mãos. Ele abre a mochila, conversa com a vendedora e mostra, disfarçadamente, uma arma e logo coloca o revolver na cintura. Depois disso ele começa a recolher os objetos. Toda a ação demora apenas 40 segundos. Após o assalto, o suspeito foge correndo.

De acordo com a vendedora, que preferiu não ser identificada, o suspeito se passou por cliente para roubar o local. "Ele chegou inicialmente procurando uma aliança e logo depois anunciou o assalto", conta.

A funcionária ainda conta que o homem pegou apenas uma parte dos produtos antes de fugir. Segundo ela, ele teria ficado com medo quando outra pessoa disse que havia um vigilante do outro lado da rua olhando para a loja.

A vendedora acredita que o suspeito já estava viagiando o local para efetuar o assalto. "Ele soube o momento de entrar. Esperou os clientes saírem e, quando a funcionária ficou sozinha, ele entrou", disse.

Roubos como esse se tornaram comuns aos comerciantes do bairro Campo Grande. Para a funcionária da loja, a insegurança é constante. "Algumas cliente até gostam de um produto, mas tem medo de comprar para não ser assaltada", finaliza

TAGs

  • assalto
  • campo grande
  • insegurança
  • joalheria
 Versão para impressão  

MAIS LIDAS

Jornal Folha Vitória
Todos os direitos reservados © 2007-2016