Soldado da PM faz transmissão ao vivo da própria prisão pela rede social

Ele foi preso na manhã desta sexta-feira (16), em sua residência, localizada no bairro Amarelo, em Cachoeiro. A motivação da prisão ainda não foi divulgada pela Polícia Militar

 Versão para impressão  
O soldado da Polícia Militar foi preso na manhã desta sexta-feira (16), em sua residência e fez uma transmissão ao vivo
O soldado da Polícia Militar foi preso na manhã desta sexta-feira (16), em sua residência e fez uma transmissão ao vivo
Foto: ​Reprodução

Na manhã desta sexta-feira (16), o soldado da Polícia Militar,  Nero Walker da Silva Soares, de 23 anos, fez uma transmissão ao vivo de sua própria prisão, em Cachoeiro. Ele estava em sua residência, localizada na rua Santa Luzia, no bairro Amarelo, quando foi detido. Além do mandado de prisão, também foi cumprido um mandado de busca e apreensão no local.

A Polícia Militar não quis se manifestar sobre a prisão do soldado, que está afastado da instituição desde 2016 para tratamento médico. Ele é um dos policiais que responde inquérito da PM, aberto após o movimento grevista em fevereiro deste ano. 

O soldado começa a transmissão, no momento em que os policiais chegam à sua casa. No vídeo, ele argumenta o motivo da prisão e questiona os mandados de prisão e busca e apreensão. Sem abrir o portão a casa, ele exige que os mandados sejam lidos por um policial antes que seja efetuada a prisão.

Por meio de nota, a Polícia Militar informa que o cumprimento do mandado contra o soldado Nero Walker da Silva é em decorrência dos fatos ocorridos em fevereiro deste ano, quando aconteceu o movimento das mulheres, amigos e familiares dos policiais militares. Os procedimentos, quanto ao cumprimento do mandado, estão sendo apurados para mais informações. 

Nero, que teve a prisão preventiva decretada pela Justiça, foi encaminhado ao Quartel da Polícia Militar, em Vitória.

A Associação de Cabos e Soldados do Espírito Santo informa que irá se manifestar assim que obtiver informações mais precisas sobre o ocorrido. Os advogados da Associação estão assistindo desde início e aguardando a chegada do militar na Corregedoria.

TAGs

  • ao vivo
  • busca e apreensão
  • cachoeiro de itapemirim
  • mandado
  • polícia militar
  • prisão
  • quartel
  • rede social
  • residência
  • soldado
  • transmissão
  • vídeo
  • vitória
 Versão para impressão  

MAIS LIDAS

Jornal Folha Vitória
Todos os direitos reservados © 2007-2016