Soldador é assassinado ao sair de casa para visitar a mãe na Serra

Ronaldo Ferreira, de 48 anos, foi baleado no peito, chegou a ser socorrido, mas não resistiu. Família disse que a vítima não tinha inimizades e pode ter sido atingida por uma bala perdida

 Versão para impressão  
Ronaldo foi atingido com um tiro no peito ao sair de casa
Foto: Reprodução

Um soldador de 48 anos foi morto com um tiro no peito, na tarde de sexta-feira (07), no bairro Parque Residencial Tubarão, na Serra. Ronaldo Ferreira foi baleado no momento em que saía de casa, na Rua Varsóvia. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu.

De acordo com familiares da vítima, Ronaldo avisou à esposa que ia chamar um primo, que mora na rua de trás, para visitar a mãe. Ao passar pelo portão de casa, ele foi atingido por um tiro, disparado por uma pessoa que estava dentro de um carro preto.

A vítima, que morava há 20 anos no bairro, foi levada para o Hospital Jayme dos Santos Neves, mas não resistiu aos ferimentos e morreu durante a cirurgia. 

Crime aconteceu na Rua Varsóvia, em Parque Residencial Tubarão
Foto: TV Vitória

A família afirma que o soldador era muito querido na região e não tinha inimizades. Para os familiares, Ronaldo foi atingido por uma bala perdida. 

O caso será investigado pela Polícia Civil. Quem tiver qualquer informação que possa ajudar o trabalho da polícia deve entrar em contato com o disque-denúncia, pelo telefone 181. Não é preciso se identificar.

TAGs

  • assassinato
  • bala perdida
  • homicidio
  • morte
  • tiro
  • violencia
 Versão para impressão  

MAIS LIDAS

Jornal Folha Vitória
Todos os direitos reservados © 2007-2016