21 ago 2014

Eymael vem ao Estado e faz corpo-a-corpo em Guarapari

Publicado às 21:49 | Postado por Josué de Oliveira

eymaelEy, Ey, Ey, Eymael… O candidato a presidência dono do jingle mais famoso que ele próprio chega ao Espírito Santo nesta sexta-feira (22) para cumprir diversas atividades de campanha e, também, claro, comer a tradicional moqueca capixaba. José Maria Eymael (PSDC) desembarca no aeroporto (?) de Vitória por volta do meio-dia e segue para Guarapari, onde tem compromisso na Câmara e corpo-a-corpo pelas ruas da cidade. Retorna para São Paulo somente à noite. Por pouco o Estado não recebia dois presidenciáveis no mesmo dia, mas o tucano Aécio Neves acabou suspendendo a visita devido aos feriados em Colatina e Linhares.

Novo shopping
Políticos em campanha não perderam a chance de comparecer ao lançamento do Shopping Vila Velha, apresentado nesta quinta-feira apenas para lojistas, imprensa e autoridades capixabas. Entre elas, os ex-prefeitos Neucimar Fraga (PV) e Max Filho (PSDB). Os dois, que sempre tiveram divergências políticas, até se cumprimentaram e trocaram sorrisos durante o evento.

Passado e presente
Neucimar também fez questão de cumprimentar o atual prefeito Rodney Miranda (DEM) com um caloroso abraço. Soltou a pérola: “Vamos chamar o Max Filho para fazer uma foto para a sucessão ficar completa”. O democrata, sempre de cara fechada, até esboçou um sorriso meio amarelado.

O mundo dá voltas
Quem circulou pelos corredores do Shopping Vila Velha também foi o secretário de Desenvolvimento Econômico de Viana, Henrique Casamata (PSD). Lembrou que sofreu muitas críticas quando assinou a autorização para a construção do empreendimento, mas que hoje todos estavam comemorando o sucesso do centro comercial.

Ausência
Além de candidatos a deputados e senadores, o evento contou também com a presença do governador Renato Casagrande, que disputa a reeleição. O candidato Paulo Hartung (PMDB) não apareceu, o que acabou gerando comentários sobre sua conturbada relação com o município de Vila Velha. Roberto Carlos (PT) também não foi, assim como Camila Valadão (PSOL), esta última por motivos óbvios.

Luto oficial
A Assembleia decretou ponto facultativo nesta sexta-feira devido à cerimônia de sepultamento do deputado Glauber Coelho (PSB), que acontece em Cachoeiro de Itapemirim. O governador Renato Casagrande suspendeu os compromissos de campanha da manhã para participar do enterro. Glauber morreu após sofre um acidente automobilístico no Sul do Estado.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
20 ago 2014

Deputados vão disputar “herança” de Glauber em Cachoeiro

Publicado às 21:41 | Postado por Josué de Oliveira

329737-theodoricoferraco-O PSB capixaba sofreu mais um choque nesta quarta-feira (20) com a morte do deputado Glauber Coelho (PSB) após um acidente de carro. Embora o clima ainda seja de comoção, nos bastidores já há rumores dos possíveis nomes que vão herdar os votos que seriam do parlamentar em Cachoeiro de Itapemirim, que segundo especulação teria aproximadamente 45 mil votos. O mais cotado para herdar a popularidade do socialista é o deputado Theodorico Ferraço (DEM), que embora tenha tido alguns recentes desentendimento pertence ao mesmo grupo político de Glauber.

Mais nomes
O deputado Rodrigo Coelho (PT), que também é do mesmo reduto eleitoral de Glauber, pode ter a esperança de herdar parte do eleitorado. No entanto, sua chance é mais difícil, já que faz parte do grupo do prefeito Carlos Casteglione (PT), que sempre foi adversário do socialista.

Desistência
Outra que pode ser beneficiada é a ex-prefeita de Itapemirim Norma Ayub (DEM), mulher de Theodorico. Mas nos bastidores, no entanto, há quem esteja apostando que ela ainda irá desistir de concorrer a uma das cadeiras na Câmara Federal.

Liberado
O ex-prefeito de Vila Velha Vasco Alves (PR) teve sua candidatura liberada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-ES). Com a decisão, o candidato a deputado federal vai poder ir às ruas pedir votos. Ele, inclusive, já tem sido visto com frequencia em feiras livres, principalmente em Vila Velha, atrás do eleitorado.

É boato
Na última quinta-feira caiu nas redes sociais a informação de que o prefeito de Vitória, Luciano Rezende (PPS), tinha sido assassinado. O burburinho rapidamente se espalhou, mas tudo não passou de boato e não sabe de onde partiu essa notícia. Deve ser intriga da oposição…

Afastamento
O vereador César (PTC) licença do seu mandato por prazo de 121 dias para tratar de interesses particulares. O suplente Jorge Rocha Cardoso, o Jorjão (PTC), é quem deve assumir a cadeira no Legislativo cariaciquense. César foi eleito para presidir a nova mesa Diretora a partir do ano que vem.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
19 ago 2014

Feriado faz Aécio Neves adiar visita ao Espírito Santo

Publicado às 19:57 | Postado por Josué de Oliveira

aécioEm meio às recentes pesquisas que o colocam em empate técnico com a ex-senadora Marina Silva (PSB) na corrida pela presidência da República, o candidato Aécio Neves (PSDB) decidiu adiar a visita que faria ao Espírito Santo na próxima sexta-feira (22). A decisão foi tomada devido ao feriado prolongado nas cidades de Colatina e Linhares, onde o tucano também cumpriria agenda. Além do interior, Aécio também teria compromissos na Grande Vitória, mas o comitê achou melhor remarcar a agenda para uma data que não comprometesse a mobilização da campanha. Uma nova data deve ser remarcada na próxima semana.

Sem quórum
Pelo segundo dia seguido não houve quórum suficiente na Assembleia Legislativa para manter a sessão até o final. Os trabalhos foram suspensos por que dos 30 deputados apenas oito estavam no plenário. O curioso é que a sessão foi aberta com a maioria dos deputados presente.

De fininho
A tática usada pelos deputados tem sido essa. Aparecer no início da sessão, registrar presença e sair à francesa. Por conta disso, regimentalmente, não há como cortar o ponto dos ausentes. Enquanto isso, os projetos ficam aguardando o bom senso dos parlamentares.

União de poderes
O presidente do Tribunal de Justiça do Espírito Santo, Sérgio Bizzotto, esteve na Assembleia Legislativa nesta terça-feira para entregar pessoalmente o projeto que altera o plano de cargos dos servidores do Judiciário capixaba. A presença do desembargador tem sido cada vez mais frequente no Legislativo. É a famosa parceria entre os poderes.

Votação
A matéria deve ser lida na sessão desta quarta-feira no plenário da Casa e a expectativa é de que seja votada somente na próxima semana. Isso, se tiver quórum, já que ultimamente a presença dos parlamentares no plenário em época de sessão está cada vez mais rara.

Popular
Uma moradora de Vila Velha apareceu no primeiro programa eleitoral da presidente Dilma Rousseff (PT), exibido na TV nesta terça-feira que abordou o tema de moradia popular. Dona Maria Clara, moradora de Aribiri, já foi lavadeira e vereadora pelo Partido dos Trabalhadores. Os petistas capixabas ficaram em polvorosa!

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
18 ago 2014

Fracassa tentativa da Amunes em pressionar deputados

Publicado às 21:52 | Postado por Josué de Oliveira

amunesUma comitiva de 17 prefeitos esteve na Assembleia Legislativa nesta segunda-feira para tentar pressionar os deputados estaduais para votar o projeto que altera a distribuição do ICMS da exploração de petróleo. Caso seja aprovada, a matéria irá beneficiar aqueles municípios não produtores e que ficam de fora dos lucros da exploração. A reunião, no entanto, teve pouca adesão dos parlamentares. Além do presidente da Casa, Theodorico Ferraço, participaram do encontro apenas outros quatro deputados.

Votação I
A sessão desta segunda-feira foi pouco movimentada e os trabalhos foram encerrados uma hora após o início por falta de quórum. Antes de o encontro ser encerrado, apenas 11 dos 30 deputados registraram presença na Casa.

Votação II
Com plenário vazio, o presidente da Amunes, Dalton Perin, aproveitou para reunir os poucos parlamentares que ficaram na Casa. “Nós pedimos que a matéria seja aprovada o quanto mais rápido, disse. A previsão é que o projeto seja colocado para apreciação nesta terça-feira.

Adeus a Campos
O líder da Rede no Espírito Santo, Gustavo de Biase, foi um dos políticos capixabas que foram ao funeral do ex-governador Eduardo Campos. Ele foi focado pelas câmeras de TV, mas no Facebook sua aparição foi criticada pela ex-deputada Brice Bragato (PSOL). O clima entre os dois não é dos melhores.

Novo cenário
Dentro do ninho tucano capixaba há lideranças minimizando a recente pesquisa que aponta a ex-senadora Marina Silva (PSB) à frente do candidato Aécio Neves (PSDB) na corrida pela presidência da República. A avaliação é de que o estudo está contaminado pela comoção popular em torno da morte do então candidato Eduardo Campos.

Enquanto isso…
Por outro lado, os socialistas apesar da felicidade preferem não comemorar antes da hora. Para integrantes do partido no Estado, Marina ainda vai enfrentar uma grande batalha internamente. Dizem que no PSB há uma rejeição em torno da sua candidatura por conta de divergência de pensamentos ideológicos.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
17 ago 2014

Marina ganha força no Estado para suceder Campos como candidata

Publicado às 18:30 | Postado por Josué de Oliveira

Com os indícios de que a ex-senadora Marina Silva vai mesmo assumir a candidatura a presidente da República após a morte do ex-governador Eduardo Campos, seu nome vem ganhando cada vez mais força tanto no cenário eleitoral brasileiro e também no Espírito Santo. Lideranças capixabas já dão como certa a chance dela suceder Campos na chapa presidencial.

Força para lutar Marina já mostrou que tem, visto que ela percorreu o país inteiro atrás de assinaturas para validar o Rede Sustentabilidade que mais tarde acabou não sendo autorizado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A chance de disputar a presidência foi impedida pela Justiça eleitoral, mas apesar de conseguir seu objetivo após uma tragédia, Marina ganha fôlego e já se cogita a possibilidade dela chegar ao segundo turno com a presidente Dilma Rousseff, fato que já vem acendendo a luz amarela no comitê dos petistas.

Socialistas capixabas, no entanto, lembram que ao assumir a candidatura, Marina terá que abrir mão e ser mais maleável em assuntos polêmicos. Seus ideais algumas vezes batem de frente com os interesses do PSB e demais agremiações aliadas. Mas apesar disso, a grande maioria dos militantes do partido, inclusive aqui no Espírito Santo, não vê outro nome além do dela.

Com Marina na disputa, o cenário muda. Já há informações publicadas na imprensa nacional que apontam até uma eventual vitória sobre a presidente Dilma´no segundo turno. No Estado, o governador Renato Casagrande pode pegar carona na sua popularidade e conseguir fortalecer sua candidatura à reeleição. Os dois sempre foram aliados desde a época do Senado. Em Vitória, a ex-senadora tem muitos “marineiros”, tanto que venceu eleição aqui deixando para trás os então candidatos Dilma Rousseff e José Serra.

A confirmação de Marina na disputa deve acontecer sem surpresas ainda esta semana, com aval, claro, de Casagrande. O imbróglio fica agora por conta de quem será seu vice. Candidatos não faltam, inclusive, a própria esposa de Campos, Renata já é cotada para a vaga. O PPS do prefeito Luciano Rezende também não esconde que tem interesse no cargo e pode indicar o líder do partido Roberto Freire como sua opção. Com o último adeus a Campos neste final de semana, os próximos dias prometem ser decisivos na corrida eleitoral.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
16 ago 2014

Campanha paga com dinheiro público na Assembleia

Publicado às 18:30 | Postado por Josué de Oliveira

assembleiaApós quase 40 dias de campanha oficial nas ruas, o ritmo segue acelerado principalmente entre aqueles que disputam a reeleição na Assembleia Legislativa do Espírito Santo. A Coluna já falou sobre o tema algumas vezes, mas com a proximidade da eleição os deputados passam a maior parte do tempo em visitas ao interior do Estado em busca de votos. Até ai nada anormal, mas o problema é que a maioria tem feito isso com a “ajuda” do contribuinte, usando assessores de gabinete para as viagens de campanha.

Expediente
Cada vez menos deputados estão aparecendo nas sessões, que acontecem de segunda a quarta-feira. É comum o registro apenas da “presença vip” e depois o parlamentar sai para os compromissos de campanha. Depois da última sessão, o retorno só acontece na semana seguinte.

Viagens
Além de disposição, os deputados têm levado ainda seus assessores, pagos com o dinheiro público, para as viagens de campanha, o que é proibido. O servidor que for usado para esses fins precisa estar de férias ou então licenciado. Muitos estão na bronca porque não ganham diárias para deixar as atividades no gabinete e enfrentar a estrada com o “patrão”.

Calote
E durante as caminhadas, ainda tem assessor que fica no prejuízo. É que os candidatos acabam entrando em padarias e botecos para tomar café e na hora de pagar a conta alegam que estão sem dinheiro. Eles pedem para o servidor acertar a dívida para depois ser reembolsado. Só que isso nem sempre acontece. Não deve ser fácil trabalhar assim…

Rumo à Câmara I
Na próxima segunda-feira, o ex-prefeito Max Filho (PSDB) vai lançar oficialmente sua candidatura para deputado federal. Tucanos de alta plumagem são esperados para o encontro que acontece na praça Duque de Caxias, no Centro de Vila Velha, às 19h30.

Rumo à Câmara II
Vale lembrar que o PSDB está no palanque do candidato Paulo Hartung, com quem Max sempre teve uma rivalidade política. A presença do ex-governador é quase impossível, mas em se tratando de política tudo pode acontecer…

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
15 ago 2014

Prefeitos vão à Assembleia pressionar deputados

Publicado às 20:47 | Postado por Josué de Oliveira

assembleia_legislativa_es__25e26a0dd6A próxima sessão da Assembleia Legislativa, na segunda-feira, promete ser movimentada. É que uma comitiva de prefeitos vai “invadir” o plenário para pressionar os deputados a aprovar o polêmico projeto que altera a distribuição do ICMS da exploração de petróleo e gás no Espírito Santo. Caso seja aprovada, a matéria irá beneficiar aqueles municípios não produtores e que ficam de fora dos lucros da exploração. O líder do movimento está o presidente da Amunes, Dalton Perin. Ele, inclusive, deve se reunir com parlamentares para discutir a proposta antes da votação no plenário.

Bate-boca
Na semana passada, o projeto foi alvo de polêmica e muito bate-boca. Os deputado Claudio Vereza (PT) e José Carlos Elias (PTB) trocaram farpas. Os ânimos só foram contidos após o deputado Gildevan (PV) pedir vista para analisar melhor o documento. O clima vai pesar de novo. Aguardem!

Risco no ar
A possibilidade de o avião que caiu com o candidato Eduardo Campos (PSB) ter se chocado com um drone acendeu o alerta para o uso desses equipamentos utilizados para fazer imagens aéreas. Aqui no Estado, alguns candidatos já estão usando o aparelho para imagens de campanha.

Enlutado
Enquanto isso, o governador Renato Casagrande (PSB) continua com a agenda de campanha suspensa por causa da morte do colega Eduardo Campos. Neste final de semana ele deve embarcar para Pernambuco para participar do funeral do então candidato à presidência. As atividades só devem recomeçar na semana que vem.

Agora é Guerra
O tom da campanha eleitoral deve ficar cada vez mais acirrado, de uma forma que há anos não se via no Espírito Santo. A troca de acusações já pode ser vista com a divulgação das viagens feitas pela mulher do candidato Paulo Hartung (PMDB) e que foram pagas com dinheiro público. Nesse caso, nem as primeiras-damas estão sendo poupadas.

Sem Dilma
Enquanto a presidente Dilma não vem ao Estado, os petistas amenizam sua ausência com a chegada da ministra Ideli Salvatti. Ela vem a Vitória para participar do lançamento das candidaturas do candidato Roberto Carlos ao Governo e João Coser ao Senado. Ela já estará na sede do PT, na Capital, a partir das 18 horas.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
14 ago 2014

Nilton Baiano pode retornar à Assembleia Legislativa

Publicado às 20:38 | Postado por Josué de Oliveira

assembleia_legislativa__a4b6374b7aO ex-deputado estadual Nilton Baiano (PP) pode retornar novamente à Assembleia Legislativa ainda este ano. O progressista é suplente do deputado Glauber Coelho (PSB), que após o acidente automobilístico sofrido no último domingo, pode ter que se afastar da função até se recuperar, já que seu estado de saúde ainda é grave. Baiano recentemente teve a chance de ocupar uma das 30 cadeiras da Casa ao assumir a vaga do então secretário de Esporte Vandinho Leite (PSB). Com a volta do republicano, ele teve que se despedir do plenário.

Licença
Glauber terá até 120 dias para se recuperar do acidente. Caso contrário, Baiano será convocado para o cargo. Se ele tomar posse, ficará no Assembleia por apenas dois meses. Enquanto isso, a Casa segue em clima de solidariedade ao socialista.

Enciumados
Partidos nanicos aliados do ex-governador Paulo Hartung (PMDB) têm reclamado nos corredores da torre onde fica localizado o escritório do candidato que estão tento tratamento diferenciado em relação aos partidos maiores da base. Já tem gente até falando em mudar de palanque.

Na fila
Candidatos desses partidos reclamam ainda que não conseguem tirar fotos com Hartung para seus santinhos. A solução para ter o ex-governador ao lado nos panfletos está sendo apelar para a tecnologia e as montagens feitas em computadores.

Exposição
O governador Renato Casagrande (PSB) ganhou mais tempo no programa eleitoral gratuito. O TRE-ES divulgou a nova redistribuição da propaganda e o socialista ganhou mais 18 segundos. Por outro lado, Hartung e o candidato Roberto Carlos (PT) tiveram o tempo reduzido.

Máquina inchada
Em meio à crise financeira, os municípios de Barra de São Francisco, Itapemirim, Santa Leopoldina e Piúma foram os que mais aumentaram o gasto com pessoal em 2013. Na contramão, com redução dos gastos, estão Conceição da Barra, Presidente Kennedy, Conceição do Castelo, Itaguaçu, Serra e Aracruz. Os dados fazem parte do anuário Finanças dos Municípios Capixabas.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
13 ago 2014

Entrada de Marina pode fortalecer candidatura de Casagrande

Publicado às 18:56 | Postado por Josué de Oliveira

camposCom trágica morte do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB), o cenário político vai passar por uma reviravolta. A previsão é de que a vice Marina Silva assuma a cabeça da chapa e a mudança pode respingar no Espírito Santo. A ex-senadora agora pode alavancar a candidatura do governador Renato Casagrande, de quem sempre foi amiga. O chefe do Palácio Anchieta declarou após a tragédia que a campanha tem que parar até passar o luto, mas nos bastidores o meio político está em polvorosa já analisando os impactos que o acidente aéreo vai causar nas próximas eleições.

Novo cenário
Vale lembrar que Marina desbancou, nas últimas eleições presidenciais, o ex-governador José Serra (PSDB) e a então candidata Dilma Rousseff (PT) aqui no Estado. Com ela no palanque de Casagrande, especula-se que esses votos podem ser transferidos para o candidato governista.

Marketing
A morte de Campos, segundo o consultor de marketing político Fernando Carreiro, pode causar uma comoção nacional e acabar levando Marina para um eventual segundo turno contra Dilma, o que deixaria Aécio Neves (PSDB) de fora da disputa. Só tem que tomar cuidado para não ser acusada de usar a tragédia para fins eleitorais, explicou o especialista.

Sem campanha
Embora estejam de lados opostos, adversários políticos decidiram cancelar todos os compromissos de campanha para os próximos dias. Assim como Dilma, os petistas capixabas também vão seguir a orientação da direção nacional da sigla e vão guardar o luto pela morte de Campos. O governador Renato Casagrande também não participará de eventos eleitorais.

Felicidade
Em meio à tragédia um sinal de vida e esperança. O senador Ricardo Ferraço (PMDB) comemorou o nascimento do seu filho Arthur na últmia terça-feira. “Ele é uma luz nas nossas vidas, uma bênção para Vivian e eu. O dia é de muita alegria pra toda a família”.

Barraco
Os ânimos se exaltaram durante debate sobre o novo plano municipal de Cultura, que aconteceu na Câmara de Vitória. Houve muito bate-boca porque nem todos concordaram com emendas apresentadas ao projeto. O vereador Zezito Maio (PMDB) chegou a chamar o presidente Davi Esmael (PSB) de tirano. O clima ficou pesado!

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
12 ago 2014

Propaganda com Casagrande dá multa de R$ 5 mil a prefeito

Publicado às 19:35 | Postado por Josué de Oliveira

netoO prefeito de Baixo Guandu, Neto Barros, terá que pagar uma multa de R$ 5 mil por ter feito propaganda paga na internet, o que é expressamente proibido pela Legislação eleitoral. De acordo com a procuradoria Regional Eleitoral no Espírito Santo (PRE-ES), Barros veiculou a propaganda favorável ao candidato ao governo do Estado Renato Casagrande no Facebook. A postagem continha uma foto do candidato e os dizeres: “Pra gente seguir em frente, Renato Casagrande – 40”. Além da multa, o prefeito foi obrigado a retirar imediatamente a propaganda.

Silêncio
Depois que o prefeito de Cariacica, Geraldo Luzia, o Juninho (PPS), declarou apoio à candidatura de Paulo Hartung (PMDB), o clima ficou pesado dentro do PPS capixaba. Lideranças do partido preferem não comentar o assunto para não polemizar as declarações de Juninho de que ele estaria sendo deixado de lado dentro do partido.

Clima tenso I
Na sessão da Assembleia Legislativa desta terça-feira o clima ficou pesado entre os parlamentares estaduais. Um dos mais exaltados foi o petista Cláudio Vereza, que está às vésperas de pendurar as chuteiras. Ele criticou o colega José Carlos Elias que chamou de irresponsáveis os que defendiam o projeto que define critérios para arrecadação da exploração de petróleo no Estado. “Baixa a bola”, pediu Vereza.

Clima tenso II
Vereza também criou caso com o deputado Gildevan Fernandes (PV), vice-presidente da Comissão de Defesa e Cidadania. O petista não lembrou que o colega foi eleito para a função e disse que estava acontecendo na Casa um golpe contra a democracia. Precisou o presidente Theodorico Ferraço intervir e lembrá-lo que a escolha foi feita no dia 25 de fevereiro.

Clima tenso III
Ainda durante seu pronunciamento, Vereza alfinetou os parlamentares que estão disputando a reeleição. Um tanto quanto exaltado, afirmou que tinha deputado interessado em encerrar a sessão para fazer campanha eleitoral. O petista estava atacado…

Na escola
Para tentar retornar à Assembleia Legislativa, o ex-prefeito de Linhares Guerino Zanon (PMDB) vai reforçar a distribuição de santinhos principalmente na porta das escolas e universidades. A ideia é conquistar o voto dos estudantes e a estratégia está sendo montada pela mesma equipe que atuou com o peemedebista na campanha de 2006.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:

4Ps Agência Digital agência digital 2007 - FOLHA VITÓRIA - Todos os direitos reservados - Anuncie - Expediente - Cadastro - Fale Conosco - Política de Privacidade - RSS