21 out 2014

“Saidinha de plenário” pode reduzir salário de vereador na Serra

Publicado às 16:19 | Postado por Josué de Oliveira

foto_camara_newO Vereador da Serra Gideão Svensson (PR) elaborou projeto que cria o ponto eletrônico no início, meio e fim das sessões. A ideia é evitar que os parlamentares registrem presença no começo dos trabalhos e esvaziem o plenário. Na ausência de um ou dois dos três registros, será descontado do salário R$ 190. Para Gideão, a falta de quórum é uma estratégia que vem sendo usada para prolongar as discussões de interesse do Executivo que encontram resistência de alguns parlamentares. “Sempre que tem um projeto polêmico enviado para a Câmara pela Prefeitura é essa desordem de sessão que começa e não termina”. Só resta saber se quando a matéria for votada vai ter quórum suficiente no Legislativo.

Votação na Ales I
Depois de uma reunião do Colégio de Líderes, os deputados estaduais finalmente votaram o requerimento de urgência para matérias que trancavam a pauta. O petista Roberto Carlos (PT) disse que os deputados deram uma resposta à sociedade e parabenizou os colegas pelo entendimento que acabou com um jejum de votações no plenário.

Votação II
A resposta veio um pouco tarde, não deputado? Só para lembrar que foram 14 sessões sem que houvesse atividade no plenário por causa de uma manobra feita por alguns parlamentares para não votar os projetos de interesse da sociedade.

Chateados
Fontes que circulam pelos corredores da Assembleia garantiram que o clima na reunião do Colégio de Líderes foi tenso. Muitos deputados não aceitam as críticas da população por causa da improdutividade, sendo que muitos alegam estar sempre presentes nas sessões.

Dupla função
Depois de Vila Velha, agora é Cariacica que vai ter dois prefeitos quando o governador Paulo Hartung assumir o mandato no dia 1º de janeiro de 2015. Em comício realizado nesta terça-feira, ao lado do prefeito Geraldo Luzia, o Juninho (PPS), Hartung disse que o município terá atenção especial do Governo. Nisso, o senador Ricardo Ferraço (PMDB) já avisou: “Com um fiscal e apoiador desses Cariacica vai avançar e muito”.

De olho no Palácio
Após a eleição de Hartung (PMDB), com o apoio do prefeito Rodney Miranda (DEM), servidores comissionados da prefeitura de Vila Velha já estão pensando em arrumar as gavetas de olho em cargos do Palácio Anchieta. A rádio corredor informa que o ritmo de trabalho por lá já está em ritmo lento.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
20 out 2014

Amaro Neto causa polêmica e acaba atacado por deputados

Publicado às 18:03 | Postado por Josué de Oliveira

3120995-amaro-neto-balancaNem mesmo começou seu mandato, mas o deputado eleito Amaro Neto (PPS) já está causando polêmica no plenário da Assembleia Legislativa. Os futuros colegas criticaram a declaração dada pelo jornalista de que a manobra para evitar votações seria uma “palhaçada”. Um dos mais exaltados foi o deputado Gilsinho Lopes (PR). “Não sou palhaço. Se isso é palhaçada isso aqui é um circo, mas não faço parte desse picadeiro”, esbravejou. Os peemedebistas José Esmeraldo e Luiza Toledo também rebateram as críticas e condenaram a declaração do novo deputado.

Conciliação
Coube ao deputado Sandro Locutor (PPS) sair em defesa de Amaro, seu colega de partido. “Atribuo a indelicadeza pela falta de conhecimento do regimento interno. Ele não quis faltar com respeito”. Aproveitou ainda para uma alfinetada nos colegas. “Não somos palhaços, mas estamos pecando pela omissão”, disse referindo-se à falta de votação na Casa.

Articulação
Os projetos que beneficiam servidores do IDAF e da Polícia Militar tiveram que esperar mais uma vez. A votação foi combinada pelo deputado Paulo Roberto (PMDB) ao pé de ouvido para esta terça-feira. “No meu ouvido não chegou nada”, defendeu-se Janete de Sá (PMN). Os vários PMs que estavam nos corredores da Assembleia tiveram que voltar para casa sem uma definição.

Orçamento na Ales
O presidente do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES), Sérgio Bizzoto, esteve na Assembleia para entregar um projeto que beneficia juízes aposentados. No encontro, aproveitou para comunicar que os deputados estão liberados para apreciar a Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) do Estado, barrada pela Justiça após um pedido da Associação de Magistrados do Espírito Santo (Amages).

De olho em 2018
A aproximação do governador eleito Paulo Hartung (PMDB) e o senador Magno Malta (PR) ainda continua repercutindo nos bastidores da política capixaba. Rumores apontam que durante reunião, ficou acertado que Hartung teria selado apoio ao republicano para sua reeleição no Senado em 2018.

Mudou de time
Nem encerrou seu mandato, o governador Renato Casagrande (PSB) já sofre um golpe de prefeitos até então aliados. Durante o final de semana, um grupo 26 chefes de Executivos municipais publicou nos jornais mensagem parabenizando Hartung pela vitória. O curioso é que muitos deles estavam do lado do socialista antes da eleição.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
19 out 2014

Hartung começa a reorganizar seu “condomínio de poder”

Publicado às 18:00 | Postado por Josué de Oliveira

hartungConhecido por reunir diversas lideranças em torno do seu projeto político, o governador eleito Paulo Hartung (PMDB) já iniciou os trabalhos para agrupar novamente o “condomínio de poder”, que acabou implodindo nas últimas eleições municipais, principalmente com a disputa pela prefeitura de Vitória e, mais recente, pelo comando do Palácio Anchieta.

Após ser eleito, Hartung passou a fazer diversas visitas às instituições, entre elas, a Assembleia Legislativa, poder que sempre foi considerado subserviente às suas decisões quando era governador. Mas não são apenas os deputados estaduais que ele quer ter como aliados.

Até antigos desafetos, como o senador Magno Malta, já estão sendo reabrigados em seu tabuleiro político. Com o republicano, teve um encontro durante a semana e chegou a dizer que junto com Malta iria “sacudir o Espírito Santo”.

Por trás dessa movimentação já está em jogo um novo interesse: as eleições municipais e, consequentemente, a prefeitura de Vitória, a principal vitrine do Estado e, atualmente, comandada pelo seu ex-aliado Luciano Rezende (PPS).

Na ciranda política que Hartung comanda, não será surpresa se, em breve, Luciano também deixar as diferenças de lado e voltar ao grupo do peemedebista. Ele, inclusive, já declarou que a prefeitura está aberta para receber o governador eleito, tudo para manter os avanços econômicos e sociais para os capixabas.

Ao que tudo indica, Luciano poderá não ter mais a força de Magno Malta para se reeleger em 2016, já que o senador está cada vez mais próximo de Hartung. O governador Renato Casagrande (PSB), de quem foi um dos importantes aliados, já demonstra não ter tanta força, principalmente após ser derrotado no primeiro turno.

Cotado para a reeleição, caberá a Luciano seguir aquele velho ditado: se não pode contra o inimigo, se alie a ele. Esse não é o perfil do prefeito, que inclusive já bateu de frente com Hartung nas eleições de 2012. Mas diante de um cenário cada vez mais desfavorável, pode ser que Luciano seja “sacudido” ou “sucumbido” apelo condomínio do governador eleito.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
18 out 2014

Isolado, Casagrande pode disputar prefeitura de Vitória

Publicado às 18:00 | Postado por Josué de Oliveira

casagrandeAo entregar as chaves do Palácio Anchieta, o governador Renato Casagrande (PSB) vai se ver diante de um cenário de incertezas. Ficará sem mandato e, ao sair do Governo, caberá ficar apenas com o cargo de secretário na Executiva nacional do PSB. Embora atualmente seja aliado do prefeito Luciano Rezende (PPS), nos bastidores já existem rumores de que os dois podem estar em lados opostos em 2016, principalmente com a estratégica do governador eleito Paulo Hartung se reorganizar seu grupo político, que no passado, incluía o próprio Luciano.

Isolamento I
Após a derrota no primeiro turno para Hartung, o grupo político do socialista acabou enfraquecido. Lideranças que estavam em sua base já começam a ser assediadas por Hartung. O próprio senador Magno Malta (PR), seu histórico desafeto, já posa em fotos ao lado do peemedebista.

Isolamento II
Outro que se reuniu com Hartung durante a semana foi o ex-prefeito Neucimar Fraga (PV), que disputou o Senado na chapa palaciana. Agora só falta Luciano Rezende, que já declarou que a prefeitura está de portas abertas para o futuro governador.

Desperdício I
Servidores da Assembleia (cerca de 1,2 mil) começaram a receber, cada um, cópias do Regimento Interno da Casa. O curioso é que poderiam ter evitado o gasto com milhares de folhas de papel, já que o documento está disponível no site do Legislativo para quem quiser conferir.

Desperdício II
As várias caixas com as cópias do Regimento começaram a ser entregues nesta semana. O pior é que, enquanto o meio ambiente chora e árvores são derrubadas, não se sabe se o material está atualizado. Ou seja…

No banheiro
Servidoras da Casa não aguentam mais reclamar da torneira de um dos banheiros do prédio. O problema já se arrasta há quase seis meses. Com um pouco de boa vontade e aproximadamente R$ 20 a situação no local já teria sido resolvida. Mas pelo visto isso está em falta na Casa de Leis.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
17 out 2014

Rose pede cautela com obras do novo aeroporto de Vitória

Publicado às 17:24 | Postado por Josué de Oliveira

rose_de_freitas__2ca13a69a9Passado o período de eleição, a deputada federal Rose de Freitas (PMDB), eleita agora para o Senado, diz que vai continuar acompanhando o desfecho da famigerada obra do aeroporto de Vitória que a cada dia surge um novo capítulo e que sua conclusão nunca termina. A peemedebista diz que é preciso ter cautela sobre o tema, mas espera que até este ano o processo para dar início ao empreendimento seja finalmente concluído. A deputada diz que já está agoniada com esse assunto e torce para que a solução venha o mais rápido possível. Todos nós…

Jesus de Cariacica
Leitor da Coluna que esteve no gabinete do prefeito de Cariacica, Geraldo Luzia, o Juninho, ficou surpreso com a visita que fez no local. O quadro com a foto oficial do prefeito, normalmente utilizada no Executivo, foi substituído por uma moldura de Jesus Cristo. Logo abaixo da imagem aparece o nome do prefeito. Será Juninho “o salvador”?

Adversários?
Durante visita à Assembleia Legislativa, o governador eleito Paulo Hartung (PMDB) teve um breve encontro com o deputado Roberto Carlos (PT), que também disputou o Governo do Estado. Ao cumprimentá-lo, o peemedebista disse brincando: “Meu adversário”. Os dois riram e se abraçaram. Era o tal clima “paz e amor”.

Polêmica
Um projeto apresentado pelos vereadores Brás Zagotto (SDD) e Wilson Dillem (PRB), em Cachoeiro, já está gerando polêmica no Estado. A proposta exige que materiais de educação sexual destinado às escolas do município passem pelo crivo do Conselho Escolar e dos pais dos alunos. A proposta foi criada para evitar que os estudantes não recebam conteúdo que não esteja de acordo com os ensinamentos da família.

Sumidos
Quem tentou contato com alguns petistas capixabas nesta sexta-feira (17) pelo telefone ficou a ver navios. Os celulares estavam todos desligados ou fora da área de cobertura. Será que era só problema com as operadoras ou eles mergulharam mesmo no final de semana?

Eleição continua
O ministro da Secretaria de Relações Institucionais (SRI), Ricardo Berzoini, é esperado no Espírito Santo para reforçar a campanha da presidente Dilma Rousseff no Estado na próxima segunda-feira. Na agenda dele está incluída até uma caminhada pelas ruas da Vila Rubim, no Centro de Vitória.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
16 out 2014

Hartung quer “sacudir o Espírito Santo” junto com Magno Malta

Publicado às 18:18 | Postado por Josué de Oliveira

hartungParece que as diferenças políticas entre o governador eleito Paulo Hartung (PMDB) e o senador Magno Malta (PR) já foram superadas. O peemedebista, junto com seu vice, César Colnago (PSDB), participou de uma entrevista nesta quinta-feira a uma rádio do senador e ao lado do próprio parlamentar lhe pediu ajuda para governar o Estado a partir do próximo dia 1º de janeiro. “Nós vamos sacudir de novo juntos o Espírito Santo”, disse Hartung. No bate-papo, o governador afirmou que não quer governar sozinho e pediu apoio de Malta e da bancada federal para o auxiliar no seu mandato.

Coisas de política
O senador Magno Malta e Hartung nunca esconderam as diferenças políticas que tiveram. O republicano, inclusive, por diversas vezes já atacou o governador eleito em seus discursos. Os dois também estiveram em palanques opostos na eleição para prefeito de Vitória em 2012.

Sem quórum
Conforme a Coluna antecipou na edição anterior, Hartung apareceu na Assembleia Legislativa nesta quinta-feira para uma visita de cortesia para os deputados estaduais. Na reunião, nove dos 30 deputados marcaram presença. Com esse número não daria para manter uma sessão no plenário, situação que vem acontecendo há três semanas.

Animação
Durante o encontro informal, o deputado Euclério Sampaio (PDT), que sempre bateu de frente com o governador eleito no plenário, ganhou até um beijo do peemedebista. Pelo visto Hartung está vivendo um clima “paz e amor” e deixando de lado as diferenças políticas do passado.

Sem convite
Alguns parlamentares não foram convidados para a reunião, nem mesmo os próprios colegas de partido do governador eleito. Questionada sobre o motivo de não ter aparecido na sala da presidência ela respondeu: “Só vou onde sou convidada”. Perdeu a chance de abraçar o Paulo.

Almoço vip
Depois do bate-papo, o grupo foi almoçar no restaurante da Assembleia, o mesmo que gera reclamação dos servidores pelo atendimento. A comitiva, no entanto, teve tratamento vip. Eles ficaram longe do bandejão e comeram grelhados e salmão.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
15 out 2014

Troca de Governo dá início à disputa pelo comando da Codesa

Publicado às 20:22 | Postado por Josué de Oliveira

codesaCom a mudança no cenário político tanto no Espírito Santo quanto no âmbito federal, os servidores da Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa) já estão em polvorosa com a possibilidade de troca de comando. O atual superintendente, Marcus Bresciani, já estaria se articulando para ser o novo presidente do órgão, atualmente ocupado por Clovis Lascosque. Pelos corredores da empresa, ele tem dito que tem apoio do governador eleito Paulo Hartung (PMDB), embora haja servidores que preferem esperar para crer que sua indicação irá se confirmar.

Rose x Hartung
Lascosque é ligado à senadora eleita Rose de Freitas (PMDB), que foi, inclusive, quem se articulou para colocá-lo no cargo. Caso Bresciani realmente tenha apoio de Hartung haverá uma queda de braço entre Rose e o governador. Os dois se reaproximaram na campanha após anos de distanciamento, mas a relação deles ainda não é das mais amistosas.

Manobra que segue
Mais uma vez os deputados estaduais não registraram presença no plenário na sessão desta quarta-feira e deixaram vários pedidos de urgências para a próxima semana. Apenas o Plano Estadual de Cultura foi aprovado. Para as outras votações o plenário foi esvaziado novamente. Está cada dia mais feio…

Desculpa
Ao anunciar o cancelamento da visita de Hartung à Assembleia Legislativa, que aconteceria nesta quarta-feira, o presidente da Casa, Theodorico Ferraço (DEM), disse que o encontro ficou inviável porque aconteceria durante o horário da sessão e a Casa não teria como recebê-lo à altura.

Sigilo
Nos corredores da Casa, a informação que circula é de que a visita teria sido remarcada para esta quinta-feira. A ida do governador ao Legislativo não estaria sendo divulgada para driblar os servidores do IDAF e da PM, que aguardam votação de projetos que beneficiam suas categorias, mas que ainda não foram apreciados porque não passaram pelo crivo do governador eleito.

Clima de despedida
Parece que o governador Renato Casagrande (PSB) já está em ritmo de despedida do Palácio Anchieta. Nesta quarta-feira, durante visita do ministro do Turismo, Vinicius Lages, ele preferiu não acompanhar a coletiva de imprensa. Abriu pessoalmente a porta da sala do Palácio e deixou os jornalistas sozinhos com o ministro.

“Interino”
Após o prefeito de Santa Leopoldina, Romero Endriger, sofrer um acidente de moto, quem deveria responder pela prefeitura seria o vice, Oswaldo Wolkat. No entanto, ele passa a maior parte do tempo em agendas no interior e quem “assume interinamente” o Executivo é seu assessor Izidorio Storch, inclusive é ele quem recebe os que vão procurar o prefeito.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
14 out 2014

Pedido para fechar o plenário após mais um dia sem quórum na Assembleia

Publicado às 20:42 | Postado por Josué de Oliveira

15351115088_e24b5a9f45_oEm mais um dia de plenário vazio (até quando?), os deputados mantiveram a manobra para não votar pedido de urgências a projetos sem que antes tenham sido passados pelo crivo do governador eleito Paulo Hartung (PMDB). Diante do cenário (já são três semanas sem votações), a deputada Janete de Sá (PMN) sugeriu que o presidente Theodorico Ferraço (DEM) suspenda a realização das sessões até que haja um acordo para destrancar a pauta, que tem 24 matérias para serem apreciadas. “A gente vem aqui, ganha o dia para não fazer nada. Não é justo com o dinheiro do povo”, disse a deputada. Pode parecer absurdo, e é mesmo…

Falatório
Sem quórum para votações, os poucos gatos pingados que estavam presentes aproveitaram a tribuna para criticar a posição dos colegas que registram presença, mas deixam o plenário para não votar os projetos. A sessão durou menos de uma hora. E o povo? Assistindo tudo pela TV Ales.

Visita adiada
Pelo menos nesta quarta-feira a expectativa era de casa cheia na Assembleia. É que Hartung tinha programado uma visita de cortesia aos parlamentares, mas o encontro teve que ser adiado. O governador eleito estará no Rio de Janeiro para encontro com o secretário de Segurança José Mariano Beltrame. Ou seja, deve ser mais uma sessão às moscas…

Nova direção
Em meio à manobra para evitar votações na Assembleia, alguns deputados já se articulam para eleger o novo presidente da Mesa Diretora. Entre os cotados estão os deputados Hércules Silveira (PMDB). Mas existe internamente uma manobra para boicotar a candidatura do peemedebista.

Dedo duro
Vejam só a que ponto chegamos. De acordo com rumores que circulam nos corredores da Casa, os colegas não querem Hércules na presidência porque ele tem mania de “dedurar” ao vivo os colegas que estão ausentes ou que chegam atrasados para as sessões. Desse jeito…

Tudo igual
Pode parecer só coincidência, mas a propaganda do presidenciável Aécio Neves (PSDB) se assemelha bastante ao do deputado Roberto Carlos (PT) quando disputou o Governo do Estado. No programa, o tucano também reúne, assim como o petista, uma plateia no estúdio para tirar dúvidas dos eleitores.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
13 out 2014

Vereza denuncia manobra de Hartung para derrubar sessão na Assembleia

Publicado às 18:32 | Postado por Josué de Oliveira

verezaEmbora estivesse presente na Assembleia, a maioria dos deputados estaduais não registrou presença no plenário. Com isso, os sete pedidos de urgências que estavam na pauta não foram analisados. Diante do cenário, o deputado Claudio Vereza (PT) denunciou uma manobra orquestrada pelo governador eleito Paulo Hartung (PMDB) para não haver votações na Casa. Alguns deputados defendem que os projetos passem primeiramente pelo crivo do peemedebista para serem votados. “Esta casa está sendo desmoralizada”, sentenciou.

Insatisfação
Já são 12 sessões sem votações no plenário por falta de quórum. Vereza disse que Hartung pediu para analisar os projetos, mas não fez a tarefa porque estava viajando para realizar encontros com lideranças políticas. “Ele fica com a imagem de gestor preocupado com o Espírito Santo e a Assembleia é que vai para a vala”.

Casa cheia
Em meio ao impasse, servidores do IDAF e da Polícia Militar ocupavam a galeria na esperança de que projetos que beneficiam a categoria fossem aprovados durante a sessão. Tiveram que guardar os cartazes de protesto para voltar nesta terça-feira. A sessão durou pouco mais de 1 hora.

Reunião no ninho
Tucanos e lideranças políticas capixabas, liderados pelo senador Ricardo Ferraço (PMDB), se reúnem na próxima quarta-feira (15) para fortalecer a campanha de Aécio Neves (PSDB) no Estado. O encontro, que deve contar com a presença de prefeitos, vereadores e deputados, acontece no Centro de Convenções de Vitória, às 18h30.

Após a eleição
O deputado federal eleito Marcus Vicente (PP), acompanhado Erick Musso, eleito para a Assembleia Legislativa, estive na sede da Rede Vitória nesta segunda-feira para uma visita de cortesia. Foram recebidos pelo diretor-geral da empresa, Fernando Machado, e pelo superintendente comercial Geraldo Vimercati. O prefeito de Aracruz, Marcelo Coelho, também integrou a comitiva.

Minuto de silêncio
Sem quórum, o plenário fez um minuto de silêncio em memória do pai do ex-deputado Glauber Coelho, que morreu na tarde desta sexta-feira. Segundo Vandinho Leite, José Augusto já vinha se recuperando dos problemas de saúde, mas com a morte do filho em um acidente de carro eles acabaram se agravando.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:
12 out 2014

Faltam nomes para a disputa da prefeitura de Vila Velha em 2016

Publicado às 18:00 | Postado por Josué de Oliveira

prefeitura_de_vila_velha__51309492dbEmbora a eleição municipal aconteça daqui a dois anos, o processo eleitoral deste ano já começou a agitar o meio político para o pleito de 2016, quando os capixabas irão escolher seus representantes para as prefeituras. Aqueles que estão bem avaliados tendem a ter uma chance maior de serem reeleitos. Mas os que não estão serão levados pela já conhecida onda da mudança.

E nesse cenário é que o foco está voltado para a prefeitura de Vila Velha, atualmente comandada pelo prefeito Rodney Miranda (DEM). A partir de 2015 o democrata vai contar com o apoio efetivo do governador eleito Paulo Hartung (PMDB), inclusive já declarou que será o segundo prefeito da cidade.

Caso decida disputar a reeleição, embora sua posição no Executivo ainda seja questionada, Rodney talvez não tenha grandes adversários para enfrentar nas urnas.

Os ex-prefeitos do município Max Filho (PSBD) e Neucimar Fraga (PV) podem ser possíveis candidatos à disputa, ainda que já tenham sido reprovados em outras ocasiões. No entanto, os dois tiveram votações expressivas para a Câmara e Senado, respectivamente, o que talvez os coloquem no páreo novamente.

O PT busca um nome para a corrida eleitoral. O deputado Cláudio Vereza sempre foi um coringa do partido, mas com a decisão de se aposentar este ano dificilmente será uma opção nessa briga. A senadora Ana Rita (PT) poderia ser uma carta na manga, no entanto, sua derrota nas urnas para deputada estadual naufragou os sonhos dos petistas em vê-la no Palácio Municipal canela-verde.

Em melhor situação está o PMDB, principalmente após ter o deputado Hércules Silveira (PMDB) reeleito na Assembleia com uma boa quantidade de votos. O peemedebista já concorreu algumas vezes, todas sem sucesso. Mas além disso, terá que enfrentar convencer o partido e também Hartung de que é a melhor opção, já que o governador eleito nunca escondeu de ninguém sua predileção por Rodney Miranda, que deve ser seu candidato caso decida mesmo disputar a reeleição.

Com as peças no tabuleiro eleitoral já sendo colocadas, o eleitor de Vila Velha fica sem ter a esperança de uma mudança efetiva no Executivo. Enquanto isso, resta aos moradores torcer para que até 2016 haja uma reviravolta nesse cenário e que novos nomes comprometidos com a cidade possam se lançar na disputa.

Compartilhe com seus amigos: Permalink:

4Ps Agência Digital agência digital 2007 - FOLHA VITÓRIA - Todos os direitos reservados - Anuncie - Expediente - Cadastro - Fale Conosco - Política de Privacidade - RSS