Categoria Geral

  • Geral

Coação eleitoral

As denúncias contra empresas acusadas de coagirem funcionários a votarem em candidatos cresceram, até agora, 1.500% em relação ao pleito de 2014. É o que revela o mais recente balanço do Ministério Público do Trabalho ao qual a Coluna teve acesso. São 155 denúncias que versam sobre constrangimento, humilhação e ameaças veladas de perda de emprego. Em 2014, foram registradas apenas 10 denúncias. O MPT ... leia mais
  • Geral

Teto de gastos

A equipe econômica da campanha do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) mantém-se em divergência quando o assunto é o teto de gastos públicos, instituído em 2016 pela Emenda 95. Uma ala, comandada pelo próprio deputado e pelo guru econômico Paulo Guedes, defende a manutenção das regras que congelou os gastos por 20 anos. Outra, respaldada por estudos que mostram que a medida – a longo prazo ... leia mais
  • Geral

Aeroporto$

O Governo não sabe o que será dos nove aeroportos que estão na fila para concessão, vença Haddad ou Bolsonaro a eleição. Todos eles são ‘filé mignon’ do setor, e superavitários. O aeroporto de Vitória, na lista, é considerado por funcionários da Infraero um ‘crime de lesa-pátria’ porque acaba de ser construído. Está novinho e será ‘dado’. Partido que controla a Infraero, o PR, de Valdemar da Costa ... leia mais
  • Geral

Fogo brizolista

O PDT vive um incêndio interno. Pelo menos 15 membros do Diretório Nacional enviaram carta à Comissão de Ética do partido pedindo a expulsão de candidatos ao Governo que vão disputar o 2º turno, por apoiarem Jair Bolsonaro (PSL) para presidente: Amazonino Mendes (AM), Carlos Eduardo Alves (RN), e o juiz Odilon (MS). Presidente do PDT, Carlos Lupi está numa sinuca de bico. De um lado a coerência ... leia mais
  • Geral

Mão no coldre

Com a base esfacelada na Câmara após muitos aliados perderem a reeleição, o presidente Michel Temer quer deixar a Reforma da Previdência para o próximo presidente. Nos bastidores do Planalto, a avaliação é a de que será Jair Bolsonaro (PSL). O que deixa a situação mais delicada. Temer não quer provocar o eventual futuro presidente se mexer, agora, na aposentadoria de militares das Forças Armadas e ... leia mais
  • Geral

Polêmica do Kit gay

Haddad (PT) está contando meia-verdade nas inserções de TV sobre o chamado kit-gay. Diz que é invenção de Bolsonaro (PSL). Mas a Coluna acompanhou o caso à época: Capitaneado pelo deputado Sóstenes (RJ), um grupo da bancada evangélica da Câmara Federal foi ao gabinete da então presidente Dilma Rousseff para mostrar os livros com imagens que consideravam pejorativas para crianças, com o argumento de ... leia mais
  • Geral

Reunião de despedida

Uma reunião de horas no gabinete presidencial na noite da quarta-feira foi o tampo do caixão político, por ora, dos principais caciques do MDB e do País no atual cenário. Frente a um presidente Michel Temer inerte na poltrona, os ministro Moreira Franco, Eliseu Padilha, e os senadores Romero Jucá e Eunício Oliveira – presidente do Congresso Nacional – protagonizaram lamúrias sobre o resultado da ... leia mais
  • Geral

Recuo previdenciário

Ministros palacianos já admitem o recuo na tentativa de votação da Reforma da Previdência no apagar das luzes do Governo de Michel Temer. A avaliação é de que a base governista saiu mais “esfacelada” das urnas, com a derrota de aliados, e a proposta, pronta para votação na Câmara Federal, dificilmente terá os 257 votos para ser aprovada em dois turnos. O clima de velório de dezenas de deputados e ... leia mais
  • Geral

O resultado do circo

Deu resultado o circo armado com autoridades em mesa gigante na coletiva de imprensa no Tribunal Superior Eleitoral no domingo à noite. Bastava a presidente do TSE, ministra Rosa Weber, a exemplo dos colegas no cargo em eleições passadas. Mas os candidatos Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL), que ensaiaram na campanha uma nova Constituinte, entenderam o claro recado diante de tantas ... leia mais
  • Geral

Dois pesos

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) arrecadou em ‘vaquinhas’ virtuais perto de R$ 1,5 milhão do total de R$ 1,9 milhão que rodou no caixa – inclusivo com fundo eleitoral. Gastou R$ 1,2 milhão para ir ao 2º turno. Modesta campanha, em se comparando com outras de eleições anteriores. Para correr o País em poucas semanas na tentativa de colar sua imagem na de Lula da Silva, o padrinho, Fernando Haddad ... leia mais