• Geral

Manobra

Há mobilização na surdina, no PMDB e no PSDB, patrocinada pelo presidente Michel Temer e pelo senador Aécio Neves, para jogar à luz o debate nacional sobre a adoção do sistema Parlamentarista no Brasil. É jogo de Poder. Enquadrados por denúncias e em baixa popular, têm ciência de que uma eleição presidencial para ambos já era. Mas são otimistas em alcançar o comando do País em um novo sistema ... leia mais
  • Geral

Huck pede tempo

Presidente do PPS, o deputado Roberto Freire teve dois encontros com o apresentador de TV Luciano Huck – um há três meses, e outro há dias, em São Paulo, quando Huck pediu tempo para pensar. Aos poucos o artista ‘global’ está encampando o esforço do establishment ao seu redor – sua emissora, grandes empresários e investidores – para se lançar a presidente da República. “Não quer dizer que apoio ... leia mais
  • Geral

Vaquinha elétrica

Parte dos servidores da Eletrobrás contra a privatização da empresa vai recorrer à Justiça por conta própria. Eles promovem financiamento coletivo – uma ‘vaquinha’, no bordão popular – para custear os honorários dos advogados que vão atuar nos tribunais contra a venda da estatal. A Associação dos Empregados da Eletrobrás já levantou perto de R$ 70 mil para contratar uma banca. Replay de 89 Os partidos ... leia mais
  • Geral

Negócio eleitoral

É um grande negócio ser ‘dono’ de um partido no Brasil – e isso explica a lista de mais de 30 na fila no Tribunal Superior Eleitoral: sem nenhum congressista em Brasília – nem senador ou deputado – 10 partidos vão receber ano que vem (ano de eleição) R$ 971.429,00, cada, do fundo partidário. É dinheiro público reservado por lei às legendas. Boa parte dessa grana é investida, na maioria deles, em custo ... leia mais
  • Geral

Vou choooraaar

Um gerente do banco Santander de uma agência do Setor Bueno, bairro nobre em Goiânia, é suspeito de uma fraude milionária contra clientes com contas abastadas, entre eles artistas: uma conhecida dupla sertaneja da região e até o cantor Leonardo. O bancário – que há semanas não comparece na agência – é suspeito de sacar altos valores com falsificação de assinaturas. O prejuízo é estimado em R$ 16 ... leia mais
  • Geral

Bicadas tucanas

A um mês da convenção nacional que indicará o grupo que vai comandar a campanha eleitoral em 2018 – e o domínio sobre a escolha do futuro candidato – o PSDB rachou de vez. O presidente interino Tasso Jereissati, ex-aliado de Aécio Neves, se aproximou da ala paulista – José Serra, Geraldo Alckmin e João Dória Jr fecharam com o senador cearense. Já o senador Aécio Neves (MG), que por ora tem boa parte ... leia mais
  • Geral

Contracheques milionários

A Câmara toca a passos lentos o projeto de lei 6726/16 que limita os valores recebidos por servidores ao teto constitucional atualmente de R$ 33.700. O texto foi aprovado em dezembro de 2016 no Senado e continua numa gaveta em comissão especial na Câmara Federal. Amanhã, a comissão do Teto Remuneratório realiza audiência pública com representantes de associações de juízes e magistrados – entidades que ... leia mais
  • Geral

PROS procura candidato

O Partido Republicado da Ordem Social (PROS) procura um candidato para lançar à presidência da República. O presidente da legenda, Eurípedes Jr, e o senador Hélio José (DF) – que saiu do PMDB e se filiou – convidaram o senador petista Paulo Paim (RS), que ficou balançado, mas não garante que topará. Paim está mais disposto a tentar a reeleição, mesmo que seja pelo novo partido, diante da fritura ... leia mais
  • Geral

PMDB de Lula

Boa parte do PMDB de Minas Gerais articula reaproximação com o PT do governador Fernando Pimentel e pode ser a mola propulsora para ajudar Lula da Silva a fechar palanques estaduais para sua candidatura a presidente, se não for impedido pela Justiça. Um grupo de deputados peemedebistas da Assembleia conversou com o senador Romero Jucá em Brasília há dias, bem ao estilo mineiro, buscando apoio do ... leia mais
  • Geral

Alerta ao Governo

O serviço público que já anda devagar, com a burocracia, pode parar. Servidores federais falam em Brasília em “greve geral” contra o ajuste fiscal do Governo que prevê o adiamento do pagamento de reajustes e aumento da contribuição do funcionalismo para a Previdência de 11% para 14%. O reajuste foi tema bastante debatido em reuniões com ministérios – inclusive no Planejamento. “Vamos questioná-las via ... leia mais