3/4/2014 às 11h1 - Atualizado em 3/4/2014 às 15h4

Show em homenagem ao secretário Alexandre Lima será realizado para arrecadar fundos para tratamento

Redação Folha Vitória
Redação Folha Vitória

DivulgaçãoUm show em homenagem ao secretário de Cultura de Vitória, Alexandre Lima, será realizado no dia 23 de abril, no Ilha Acústico, em Vitória, com o intuito de arrecadar fundos para o tratamento dele.

A homenagem realizada por amigos será no dia do aniversário do secretário. Na data também é comemorado o dia de São Jorge, o santo protetor do Alexandre. 

Durante os shows estarão presentes Gabriel o pensador, Claudio Zoli, Cidade Negra, Zé Geraldo, Lan Lan, Deeplick, Marcelo Mira, Luiz Carlinhos, Baia, Gustavo Macaco, Bloco Bleque, Renato Casanova, Fred, CX e Amaro Lima, que abriram mão do cachê.

Desde o dia 04 de dezembro, quando foi internado no Hospital Evangélico, em Vila Velha, para uma cirurgia cardíaca, Alexandre Lima continua em coma, sem previsão de mudança do seu quadro neurológico.

Agora se recuperando em casa, ele vai poder receber mais estímulos neurológicos, intensificar a fisioterapia e ter cuidados específicos e necessários para um tratamento mais rápido e eficaz.

Reprodução TV VitóriaCampanha

A família do músico e secretário está fazendo uma campanha nas redes sociais para conseguir recursos para pagar o tratamento de Alexandre, que agora se recupera em casa, após três meses internado. Gabi King, irmã de Alexandre, mandou fazer camisetas com a caricatura do música. Cada peça está sendo vendida no valor de R$ 40 e está disponível nos tamanhos P , M, G e GG.

Quem quiser ajudar pode ir até a loja Knix, em frente a Paganotto, na Rua Graciano Neves, no Centro de Vitória.

Entenda o que aconteceu

Alexandre passou mal no dia 29 de novembro, durante uma reunião na Prefeitura de Vitória, e foi socorrido pelo prefeito Luciano Rezende, que é médico e o orientou a procurar um cardiologista.

Internação

Alexandre Lima foi submetido a uma cirurgia cardíaca no dia 04 de dezembro. A operação durou mais de quatro horas e, segundo os médicos, o resultado foi satisfatório. Na ocasião, os cirurgiões explicaram que o secretário teve uma dissecção de aorta (tipo A), que é considerada uma “catástrofe vascular”.

Depois que saiu da UTI, no dia 30 de dezembro  não houve alteração do quadro de saúde do secretário.

A Rede Vitória faz parte do
4Ps Todos os direitos reservados © 2007-2014