Kia apresenta Sportage na versão biocombustível: O modelo também terá versão de câmbio manual de seis marchas

A Kia Motores começa 2012 com mais uma novidade é a versão flex fuel de seu SUV compacto urbano, terceiro modelo biocombustível da montadora sul-coreana e destinado exclusivamente ao mercado brasileiro, o Sportage.

O modelo mantém o design de Peter Schreyer e apresenta desempenho ainda melhor. O Kia Sportage está disponível com motorização 2.0 litros, DOHC, 16 válvulas com dual CVVT. Alimentado com etanol, o motor entrega 178 cavalos de potência a 6.200 rpm e torque de 21,4 Kgm a 4.700 rpm. Com gasolina, chega a 169 cavalos de potência a 6.200 rpm e torque de 20 Kgm a 4.700 rpm. Na versão vendida anteriormente, somente a gasolina, o Sportage apresentava motorização 2.0 litros com 166 cavalos de potência.

O Sportage Flex ganhou também nova transmissão mecânica, agora com seis velocidades. No mercado brasileiro, o modelo pode ser encontrado em cinco versões, uma delas com a nova transmissão manual de seis velocidades e as demais com câmbio automático de seis velocidades com opção de trocas sequenciais e autoadaptativo. Outra mudança relevante foi no tipo de direção, que passou a ser elétrica progressiva.

Os consumidores do Sportage podem escolher entre quatro modelos com tração 4×2 e um com 4×4 full-time – com um avançado sistema semelhante ao empregado no Sorento atual. Os clientes que dirigem na maioria das vezes em estrada poderão optar pela tração 4×2, que oferece menor peso, aceleração mais rápida e economia de combustível. Para quem dirige regularmente em condições mais pesadas ou em situações off-road, o 4×4 será ideal.

A versão de entrada do Kia Sportage chega com câmbio manual, ar-condicionado manual, chave tipo Keyless, travamento de porta e abertura do porta-malas à distância, freio de estacionamento com acionamento por pedal, iluminação do porta-malas, rádio CD/MP3 com controle no volante, entrada de áudio auxiliar e USB no console central, sistema de som com quatro alto-falantes e dois tweeters, sistema imobilizador de ignição, tampa do compartimento de bagagem, travamento elétrico central das portas e porta-malas, vidros elétricos nas quatro portas com função One Touch Down para o motorista e volante com regulagem de altura, vai custar R$ 90,9 mil. Com essa configuração, porém com transmissão automática de seis velocidades com opção de trocas sequenciais e autoadaptativo e indicador de marchas no conjunto de mostradores, o Sportage custará R$ 95,4 mil. Já o topo de linha na versão 4X4 terá um custo de custará R$ 113,4 mil.

One Reply to “Kia apresenta Sportage na versão biocombustível: O modelo também terá versão de câmbio manual de seis marchas”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *