• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Kátia Abreu diz que fará ajustes na Política de Garantia de Preços Mínimos

Economia

Kátia Abreu diz que fará ajustes na Política de Garantia de Preços Mínimos

Brasília - A ministra da Agricultura, Kátia Abreu, afirmou nesta segunda-feira, 26, que pretende "reajustar a metodologia" da Política de Garantia de Preços Mínimos (PGPM) para todos os produtos agrícolas. O recado foi dado durante reunião com representantes do segmento de café.

O encontro encerrou a rodada de conversas que a ministra manteve com o setor produtivo agropecuário nas últimas duas semanas. Essa mudança, no entanto, deve ocorrer após a realização de um estudo envolvendo universidades e a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Kátia Abreu não detalhou como serão essas mudanças, mas elas fazem parte de metas que ela estipulou para os próximos meses. Na Conab, nenhum técnico soube dizer quais são as intenções do ministério.

O prazo para a conclusão desse estudo não está definido. A ideia é de que seja feito "a médio ou longo prazo". Entre as metas da ministra está ainda a atualização do Regulamento da Inspeção Industrial e Sanitária de Produtos de Origem Animal (Riispoa), que deve sair nos próximos dias. Outro objetivo é melhorar o diálogo com os Estados Unidos e tentar a abertura do mercado americano para a carne brasileira.

Cafeicultores

No encontro com o setor, representantes da indústria reclamaram da falta de investimento em marketing do café brasileiro no exterior, de falta de infraestrutura, da alta carga tributária e de importação do produto já industrializado.

A ministra disse que tentará parceria com o Ministério do Turismo para implementar marketing do café nas Olimpíadas de 2016. Kátia ainda pediu que os representantes de café solúvel entreguem ao ministério um plano de desenvolvimento do produto para verificar a possibilidade de colocá-lo em prática.