• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

BC da Turquia mantém juros, mas anuncia medidas para conter queda da lira

Economia

BC da Turquia mantém juros, mas anuncia medidas para conter queda da lira

São Paulo - O Banco Central da Turquia manteve as principais taxas básicas de juros inalteradas, mas anunciou novas medidas para tentar limitar a desvalorização da lira turca.

A taxa de recompra de uma semana, que é a referência no país, foi mantida em 7,5%, enquanto a taxa de financiamento marginal permaneceu em 10,75%, a taxa de tomada de empréstimos continuou em 7,25% e a taxa sobre linhas de empréstimos fornecidos a dealers primários por meio de transações de recompra seguiu em 10,25%.

Na janela de liquidez do fim do dia - que vale entre as 16h e as 17h no horário local -, a taxa para tomada de empréstimos foi mantida em 0% e a taxa para concessão de empréstimos foi mantida em 12,25%.

Em comunicado, o banco central turco afirmou que "o crescimento dos empréstimos continua em níveis razoáveis em resposta à posição apertada da política monetária e às medidas macroprudenciais", por isso decidiu manter a política inalterada.

Apesar do otimismo, a instituição tomou medidas para conter a queda da lira. A taxa de remuneração para as reservas compulsórias mantidas em liras turcas foi elevada em 0,50 ponto porcentual, com vigência a partir de 8 de maio. Além disso, as taxas aplicadas aos empréstimos de uma semana que os bancos tomam do banco central foi reduzida de 4,5% para 4,0% para recursos em dólares e de 2,5% para 2,0% para euros, com efeito a partir de 24 de abril.

Segundo o banco central, "um corte bem medido nas taxas de empréstimos em moeda estrangeira e um aumento na taxa de remuneração parcial sobre reservas compulsórias em liras turcas darão suporte à estabilidade financeira".