• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Maduro: reunião do Brics com Unasul marca um novo tempo

  • COMPARTILHE
Economia

Maduro: reunião do Brics com Unasul marca um novo tempo

Brasília - O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, afirmou nesta quarta-feira, 16, em Brasília, que a reunião dos Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) com os países da Unasul, que acontece hoje em Brasília, marca um novo tempo na geopolítica mundial.

"É uma oportunidade histórica, porque marca um novo tempo. Uma grande aliança das cinco potências emergentes - Rússia, China, Brasil, Índia e África do Sul - com a América do Sul como bloco. Essa aliança realmente é extraordinária, vai criando as bases econômicas, materiais, financeiras, culturais e políticas de um mundo novo. E toda essa aliança nasce para a paz, o crescimento, a prosperidade. Uma aliança que vai ganhar, que no passado era de países dominados e hoje é de países emergentes."

Maduro disse ainda que enquanto o mundo fala de crise no seu país, ele continua a fazer uma revolução em que a democracia está sob o comando do povo. E que está vencendo as campanhas internacionais contra seu governo: "Sempre lutando, trabalhando, fazendo a revolução, que é mais importante, construindo uma forma de democracia protagonista em que o povo tem o poder verdadeiramente. E nos defendendo de tantas campanhas mundiais que trataram de caricaturizar, tergiversar a realidade sobre um país que constrói sua própria fórmula política para a independência, a soberania, a prosperidade social. Estamos na luta, como sempre, lutando e vencendo."

A presidente Dilma Rousseff recebe hoje no Palácio do Itamaraty os presidentes dos países da América do Sul e do Brics. De acordo com informações diplomáticas, a reunião não deverá resultar em assinaturas de novos acordos com definições de agendas. Será um debate entre os presidentes de Brics e da América do Sul. Todos os países têm interesses em obter financiamentos do novo banco dos Brics criado ontem, para obras que consideram importante para o desenvolvimento sustentável de suas regiões, já que o banco terá vocação para atender demandas de projetos de dentro e de fora dos grupo.