• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Monteiro: governo está próximo de construir proposta e levar em outubro à Europa

Economia

Monteiro: governo está próximo de construir proposta e levar em outubro à Europa

Rio - Horas antes da chegada a Brasília da chanceler da Alemanha, Angela Merkel, o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro, afirmou na manhã desta quarta-feira, 19, que espera ainda para este ano a assinatura do acordo comercial entre Mercosul e União Europeia (UE). Segundo Monteiro, a oferta do bloco sul-americano poderá ser entregue ao comissariado europeu em outubro.

"Teremos amanhã momento muito importante com Merkel. A Alemanha tem papel fundamental para esse processo", afirmou Monteiro, no discurso de abertura do Encontro Nacional de Comércio Exterior (Enaex 2015), no Rio. Segundo o ministro, o Mercosul fez um esforço para harmonização do núcleo comum intrabloco da oferta.

O ministro afirmou que a nova orientação de buscar acesso a mercados no exterior tem uma ampla possibilidade de atuação, sem que o Mercosul seja "uma trava". Monteiro defendeu ainda a aproximação com o México e os vizinhos do Pacífico, Chile, Peru e Colômbia, embora o foco principal das exportações de manufaturados deva estar concentrado nos Estados Unidos.

"Não pretendo desprestigiar acordos que o Brasil fez e que são importantes, como o Mercosul. Temos uma ampla possibilidade de atuação em diversos mercados sem que o Mercosul seja uma trava. O Brasil não pode fazer sua política de comércio exterior sem olhar para o mercado americano", afirmou Monteiro.

O ministro comemorou o aumento de cerca de 70% nas exportações de veículos para o México e afirmou que o acordo de complementação econômica com a segunda maior economia da América Latina poderá ser ampliado e poderá "vir a incluir 4 mil produtos". "Temos o compromisso de remover esse muro que nos separa dos países da bacia do Pacífico", afirmou.