• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Kuroda diz estar acompanhando bancos japoneses prejudicados por juros baixos

Economia

Kuroda diz estar acompanhando bancos japoneses prejudicados por juros baixos

Tóquio - O presidente do Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês), Haruhiko Kuroda, disse hoje que está acompanhando de perto os bancos regionais do país, numa indicação de estar ciente de que os juros baixos vêm prejudicando a rentabilidade do setor.

A expectativa é que vários bancos regionais japoneses sofram queda de dois dígitos nos lucros do ano fiscal que se encerra em março de 2017, segundo levantamento de uma associação local que representa 64 instituições financeiras.

Desde fevereiro, o Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês) vem aplicando uma taxa de -0,1% sobre certos depósitos bancários, fator que ajudou a reduzir a margem de lucro dos bancos.

"Os bancos regionais são um importante canal de transmissão da política monetária", afirmou Kuroda, durante sessão no Parlamento. "Estamos acompanhando seu desempenho de perto e com profundo interesse".

Kuroda também ressaltou que "não é possível estar otimista" em relação à rentabilidade dos bancos regionais no futuro próximo, diante de um "ambiente de juros baixos".

Os comentários mostram que Kuroda vem mudando sua postura. Anteriormente, o chefe do BC japonês sugeriu em várias ocasiões que, se necessário, poderia reduzir ainda mais a já negativa taxa de depósitos, independentemente do impacto nos lucros dos bancos.

Já o ministro de Finanças japonês, Taro Aso, disse na mesma sessão parlamentar que o "ambiente de negócios dos bancos regionais é extremamente desafiador". Fonte: Dow Jones Newswires.