• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Batata e mamão provocam 3ª alta seguida na cesta básica da classe média capixaba

Economia

Batata e mamão provocam 3ª alta seguida na cesta básica da classe média capixaba

Dos trinta itens pesquisados no último mês, quinze tiveram aumento de preços, doze itens apresentaram recuo e apenas três produtos permaneceram com preços estáveis

Valor da batata inglesa subiu 42% e alavancou o preço da cesta básica da classe média capixaba Foto: Divulgação

Graças, principalmente, aos aumentos de 42% no preço da batata inglesa e de 22,8% do valor do mamão papaia, em novembro, a cesta básica da classe média capixaba alcançou o valor de R$ 1.279,71, uma alta de 0,26%.  

Esse foi o terceiro aumento consecutivo: em outubro, o valor subiu 0,08% e em setembro a alta registrada na cesta foi de 0,19%. O índice dos últimos 12 meses cresceu 6,69% e nos primeiros onze meses do ano a alta acumulada na cesta básica da classe média está em 2,38%.

Dos trinta itens pesquisados no último mês, quinze tiveram aumento de preços, doze itens apresentaram recuo e apenas três produtos permaneceram com preços estáveis. 

Além da batata e do mamão, a cenoura, o limão e o arroz contribuíram para a subida do preço da cesta, com altas de 9,7%, 8,6% e 5,4%, respectivamente. Já os produtos que apresentaram as maiores quedas de preços foram o leite integral em caixa (-8,1%), o tomate (-13,8%), o maracujá (-14,5%) e a banana prata (-9%). A carne de frango, o leite em pó integral e o suco de frutas em caixa permaneceram com valores estáveis. 

A 94ª edição da pesquisa da cesta básica da classe média foi realizada em 30 lojas de redes de supermercados da Região Metropolitana da Grande Vitória. O estudo, que foi realizado pelo Núcleo de Pesquisas da Empresa Júnior da Faculdade Doctum de Vitória, levou em consideração trinta itens de alimentação mais consumidos por uma família padrão – dois adultos e duas crianças – de classe média.