Como vai a sua relação com a sexualidade?

Olá leitores, como estão? Eu sempre costumo falar muito sobre sexo, relacionamentos e sexualidade em suas diversas formas, mas hoje trago uma proposta para que pensem sobre como é a sua relação com ela. Como você sua sexualidade? Como a expressa? Se sente à vontade com isso?

É muito comum que as pessoas tenham uma ideia um pouco confusa quando falamos de sexualidade. O que quero dizer com isso? Muitas delas pensam que a sexualidade se resume a encontros sexuais, que nesse caso nada mais é do que o sexo de fato. A sexualidade é muito mais além! É como você se relaciona com você mesmo, com suas questões, com o outro e com o mundo. Parece exagero, mas as coisas que aprendemos desde lá da infância, aqui me refiro a educação sexual que tivemos, reflete diretamente em nossos comportamentos como adultos de hoje.

Falar sobre sexo e sexualidade na juventude pode ser um tanto embaraçoso para os pais com os seus filhos, mas é necessário. Falar sobre a importância do não, do respeito ao seu corpo e ao corpo do outro, conversar sobre limites e alertar desde cedo é necessário. A presença de um diálogo fortalecido pode ser determinante na construção do sujeito, na maneira como ele se vê e como observa o mundo, as pessoas e como serão seus relacionamentos afetivos.

Vivemos em uma sociedade em que as questões ligadas à sexualidade, noção de corpos ainda é muito reprimida e cercada de tabus que dificultam a chance de uma troca e aquisição de conhecimento. A sexualidade abrange questões sociais, psicológicas e biológicas e muito interessantes de serem debatidas. Sabia que a Organização Mundial de Saúde tem uma definição do que constitui a sexualidade? Segundo ela é A integração de elementos somáticos, emocionais, intelectuais e sociais do ser sexual que, por meios que são positivamente enriquecedores, realçam as pessoas, a comunicação e o amor”. Basicamente, como já citei, é a forma como nos relacionamos com o mundo.

Você já parou para pensar sobre isso? Como você se vê? Como o que as noções que você tem sobre sexualidade interferem na sua vida? Vou deixar essa reflexão, mas não se esqueçam: conhecimento é tudo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *