• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após Paul McCartney, popstar Katy Perry pode se apresentar no Espírito Santo

  • COMPARTILHE
Entretenimento

Após Paul McCartney, popstar Katy Perry pode se apresentar no Espírito Santo

O estádio Kleber Andrade é a única opção no ES com infraestrutura necessária para receber o show internacional. O problema é que o estádio está em obras, e pode impossibilitar o evento

A popstar pode fazer um show no ES Foto: Divulgação

Após o show histórico do ex-Beatle Sir Paul McCartney no estádio Kleber Andrade, em Cariacica, em novembro de 2014, a próxima grande estrela mundial a pisar em solo capixaba para um show pode ser a norte-americana Katy Perry. O maior empecilho para a realização do show, porém, seria a falta de estrutura de um lugar para a apresentação.

O estádio Kleber Andrade é a única opção no Espírito Santo com infraestrutura necessária para receber o show internacional. O problema é que o estádio está em obras, o que pode impossibilitar o evento.

De acordo com o produtor de eventos Flávio Salles, a resposta final ainda não foi dada a produção da cantora. "Me ofereceram o show da Katy Perry, para saber se existia a possibilidade de realizar uma apresentação no Espírito Santo, mas há o problema do local. Só pode ser no Kleber Andrade e as obras estão em andamento. Não dá para ter uma resposta final".

A cantora irá se apresentar no Rio de Janeiro, em setembro deste ano, no evento Rock in Rio. A intenção de Katy é ficar no Brasil por mais alguns dias e realizar uma turnê pelo país e o Espírito Santo estaria no mapa.

Na próxima quinta-feira (5), uma equipe de produção de Flávio Salles deve ir ao estádio para saber como está o andamento das obras e ver se há a possibilidade da realização do show.

"A gente precisa ver como estão as obras. No show do Paul McCartney nós precisamos até alugar contêiner para servir de camarim. Outro problema é o andamento das obras já que não há uma previsão para o fim das obras", completa Flávio.