• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após polêmicas, Luciano Huck abandona grife "Use Huck"

  • COMPARTILHE
Entretenimento

Após polêmicas, Luciano Huck abandona grife "Use Huck"

A grife do apresentador se tornou alvo de críticas ao vender uma camiseta infantil, com tamanhos de 2 aos 12 anos, com a estampa "Vem ni mim que eu to facin"

Foto: ​Divulgação

Após polêmica com camisetas infantis, Luciano Huck decidiu abandonar a grife que leva seu nome, Use Huck. Em entrevista ao colunista Bruno Astuto, o apresentador disse que o caso o levou a repensar sua parceria. 

"Depois dessa última confusão, aprendi que meu maior patrimônio é meu nome e, por isso, não posso associá-lo a algo que fuja do meu controle. Claro que não foi um erro intencional, tanto da parte deles quando da minha. Mas preferi me desligar da Use Huck.

O objetivo do apresentador agora é se dedicar somente à TV.

"Ainda faço investimentos em projetos de start-ups com uma molecada inteligente, mas o meu tempo hoje é 100% dedicado à TV e ao que está da porta para dentro da minha casa. A gente trabalha com criação e precisa dar essa "engraxada" na cabeça, para ela ficar em ordem, com família, os filhos e os amigos. 

Entenda a polêmica da grife

Em março, a grife Use Huck se tornou alvo de críticas ao vender uma camiseta infantil, com tamanhos de 2 aos 12 anos, com a estampa "Vem ni mim que eu to facin". 

O caso repercutiu nas redes sociais e a equipe de Luciano pediu desculpas e explicou o ocorrido por meio de nota, na qual lamentava o caso e explicava que as estampas do Carnaval foram sobrepostas a imagem de uma criança com uma camiseta branca por um erro da equipe. 

Esta foi a segunda polêmica da grife, que já tinha ganhado repercussão negativa ao vender uma camiseta com a estampa "Somos Todos Macacos", uma jogada de marketing para encabeçar a campanha contra o racismo no futebol liderada por Neymar e sua equipe. 

Com informações do Portal R7