• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Ex de Khloé Kardashian viu o filho apenas nove vezes desde o nascimento dele, em 2016

Entretenimento

Ex de Khloé Kardashian viu o filho apenas nove vezes desde o nascimento dele, em 2016

Ao depor sobre o caso, em janeiro desse ano, Tristan Thompson falou sobre essas poucas visitas ao filho: "Eu não sei o número exato (de visitas)"

Estadão Conteúdo

Redação Folha Vitória
Foto: Reprodução / Instagram
Khloé Kardashian

Tristan Thompson, ex-namorado de Khloé Kardashian, parece não estar vivendo uma época boa de sua vida. Desde o segundo escândalo de traição, em que se envolveu com a melhor amiga de Kylie Jenner, meia-irmã de Khloé, agora o jogador de basquete foi exposto em uma série de documentos apresentados por sua ex, Jordan Craig, e mãe de seu filho, Prince.

Segundo informações do Radar Online, Jordan está brigando com o ex na justiça por causa de pensão alimentícia. Por isso, alegou que Tristan viu o filho apenas nove vezes, desde o nascimento do pequeno, em 2016. Essa declaração detalha que o atleta esteve com o pequeno apenas uma vez, no ano de seu nascimento, quatro vezes, em 2017, e quatro vezes em 2018. No depoimento, entregue por Jordan no dia 1º de novembro do ano passado, ela escreveu:

Eu dei ao Tristan quase dois anos para se prontificar e assumir um papel de pai para o nosso filho. Como dito em detalhes, ele falhou em fazer isso. Eu não posso forçar Tristan a ser um pai. Eu fui e continuarei a ser a única cuidadora do nosso filho. É meu prazer cuidar dele diariamente e atender às suas necessidades. Eu só peço que o tribunal ordene que Tristan pague pensão alimentícia no valor que ele é legalmente obrigado a pagar.

Ao depor sobre o caso, em janeiro desse ano, Tristan falou sobre essas poucas visitas ao filho: "Eu não sei o número exato (de visitas)".

Além disso, ele alega que Jordan até o chamou para frequentar consultas médicas do filho, mas só quando o atleta estava com a agenda ocupada.

Ainda no começo do ano, o jogador pagava para sua ex o valor de 15 mil dólares de pensão, ou seja, 57 mil e 672 reais. Jordan entrou na justiça por acreditar que esse valor é baixo, já que Tristan possui uma renda anual de 16 milhões e 400 mil dólares, algo em torno de 63 milhões de reais.

De acordo com o Radar Online, a pensão foi reajustada em maio e agora ele terá que pagar 40 mil dólares mensais, que fica em 153 mil reais, além de um adicional de 200 mil dólares, ou seja, 770 mil reais, como compensação pelos últimos anos de pensão baixa.