• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

No lançamento de Nasce uma Estrela, Lady Gaga agradece Bradley Cooper por acreditar nela

  • COMPARTILHE
Entretenimento

No lançamento de Nasce uma Estrela, Lady Gaga agradece Bradley Cooper por acreditar nela

Na sexta-feira, dia 31, aconteceu o lançamento do filme Nasce uma Estrela, no Festival de Filme de Veneza, na Itália. O filme traz como protagonistas Lady Gaga e Bradley Copper, e os dois passaram pelo tapete vermelho juntos.

Mas segundo a People, algo inusitado aconteceu durante a exibição do filme: por conta de um raio, rolou um apagão e o espaço ficou sem energia por mais de 15 minutos! Quando tudo finalmente voltou ao normal, a platéia voltou com a maior empolgação e começou a bater palmas.

O jornal Los Angeles Times contou como foram as gravações do filme, desde as audições de Gaga para o papel principal, até o lançamento em Veneza. Segundo eles, Gaga precisou confiar em Bradley, que não só atuou como também foi o diretor, e no que ele queria para o filme, e para isso acabou tendo que lidar com suas próprias dificuldades, como se aceitar sem maquiagem alguma para fazer sua personagem.

- Eu sou muito insegura. Gosto de rezar, mas não pratico sempre o que rezo.

Para interpretar Ally, Gaga tentou focar em seu passado, e na mulher que era antes da fama e tudo que ela teve que enfrentar para ir atrás do que queria.

- O que tornou as coisas mais fáceis para mim foi que eu escrevi minha música, então não precisava implorar por músicas ou para que alguém me ajudasse. Fiz tudo sozinha. A diferença entre mim e Ally era que quando eu quis virar cantora, eu fui atrás de tudo. Levava meu piano de bar em bar para tocar. Ligava para pessoas fingindo ser meu empresário para conseguir trabalhos. Eu realmente acreditava em mim mesma. Quando conhecemos Ally, ela já desistiu de si mesma, o que é bem diferente de mim.

Gaga também aproveitou para destacar a importância dos fãs em toda a sua jornada.

- Para ser sincera, eu acho que o que me torna bonita é eu ver a alegria nos meus fãs. Quando vejo ou ouço deles que a música que eu fiz mudou a vida deles de alguma forma, isso faz eu me sentir bonita. No fim do dia, posso lançar um milhão de filmes e músicas e todos podem dizer que eu estava linda, mas não é isso que eu quero. Quero que eles digam: Eu vi aquele filme e chorei absurdos, e aprendi algo sobre mim.

Na coletiva de imprensa do filme, Gaga ainda aproveitou para agradecer a Bradley por ele acreditar nela:

- Foi uma experiência muito especial para mim, ele fez eu me sentir tão livre sem perder o foco. Tenho muita sorte de estar aqui.