• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após vídeo com os filhos viralizar, Murilo Rosa fala da sensibilidade como pai e das polêmicas na internet: As redes sociais transformaram as pessoas em monstrinhos

  • COMPARTILHE
Entretenimento

Após vídeo com os filhos viralizar, Murilo Rosa fala da sensibilidade como pai e das polêmicas na internet: As redes sociais transformaram as pessoas em monstrinhos

-

Assim como na vida real, Murilo Rosa está colocando à prova a importância do afeto e carinho pelos filhos na ficção. A partir do dia 12 de outubro, o ator estará nos cinemas ao lado de Fernanda Machado e Letícia Braga com o filme A Menina Índigo, que trata da história de uma criança sensitiva e com o dom de curar enfermidades. Os pais, interpretados por Murilo e Fernanda, acabam vivendo descobertas de como é ter uma filha para lá de especial em meio a tantos questionamentos.

Murilo contou que conseguiu trazer para o personagem a paternidade que exerce em casa, mas que também soube levar os aprendizados do filme para enfrentar os desafios como pai:

- É um filme relevante. Da para levar a paternidade pro personagem e vice-versa. O afeto que existe em casa, o ambiente familiar com certeza é levado. Eu, pai de dois filhos, podendo fazer um filme de pais que não estão prontos. E a mensagem do filme é exatamente essa: nós não estamos prontos. Nem os adultos e nem as crianças. O filme deixa uma mensagem de que mesmo numa história de amor, com toda a proteção, os conflitos vão aparecer e as famílias não são tão perfeitas assim, as dificuldades são reais. As pessoas vão se identificar. Nós não temos esse comprometimento de estarmos tão perfeitos, tão certos em tudo.

E se o assunto é paternidade, não teve como o ator deixar de citar os filhos, Artur e Lucas, fruto da relação com a modelo Fernanda Tavares. Recentemente, Murilo se viu bombando nas redes sociais após publicar um vídeo com as crianças em um momento para lá de íntimo. O ator havia acabado de voltar de uma viagem ao exterior e surpreendeu os filhos em casa. Na publicação, que você confere abaixo, os meninos aparecem emocionados após dias de saudades do paizão, que está com uma agenda agitadíssima nos últimos e próximos meses. Para o ator, a publicação refletiu a mesma mensagem do filme:

- Eu resolvi postar aquilo, porque assim como no filme as pessoas precisam um pouco disso. Ficarem contaminadas por esse universo afetivo. Eu que não sou um cara de Instagram, não sou exagerado em postar, mas mais de 200 mil pessoas viram. E aí começou a discussão né, todo mundo falando sobre... Eu acho que foi muito bacana. Tudo o que você puder contagiar outra pessoa com amor e verdade, está valendo. Porque a gente está vivendo num mundo em que as pessoas se odeiam.

Para o ator, que recentemente se envolveu em uma polêmica na internet após desabafar sobre a avaliação dos jurados no programa Popstar, do qual ficou em último lugar, as redes sociais receberam de maneira positiva a publicação da família, apesar de reconhecer que a web pode ser um perigo para quem se expõe demais:

- Existe essa relação do vídeo com o filme, que traz todo esse afeto. Nós precisamos disso! O brasileiro por natureza já é afetivo, mas nós estamos precisando mais disso. As redes sociais transformaram as pessoas em monstrinhos. As pessoas precisam identificar um pouco esse amor, para causar exatamente o que causou. Na publicação, não tem uma pessoa falando coisa negativa. 1500 comentários de pessoas jogando coisas positivas é o que a gente precisa. A repercussão foi muito positiva,mas a rede social é perigosa, você está exposto de uma maneira perigosa.

Mas, faz questão de deixar claro que a participação no reality show comandado por Fernanda Lima não passou de uma diversão e a chance de cantar uma das músicas mais especiais de sua vida:

- Foi uma brincadeira, uma diversão. Totalmente diferente da minha carreira. Quando você é chamado para participar de um programa como esse você precisa ter acima de tudo coragem e ali quando nós entramos, eu já entrei com pessoas que eu admirava, eu entrei para me experimentar. Foi totalmente diferente, mas uma exposição como as outras que já tive. Eu cantei a música (Eu Quero Apenas, Roberto Carlos) e foi uma loucura em termos de repercussão e essa música faz parte da abertura do meu espetáculo, porque eu cantava desde os quatro anos de idade com meu pai, de brincadeira. Só de criar esse momento lá e sentir essa repercussão já valeu a participação no Popstar.

Além de A Menina Índigo, o ator também estará nos cinemas a partir do dia 19 de outubro em A Comédia Divina, ao lado de Monica Iozzi. No teatro, irá lançar um espetáculo musical sobre os 25 anos de sua carreira como ator, enquanto na TV irá estar em Rio Heroes, uma série onde interpretará um um lutador de vale tudo, além de adiantar que voltará às novelas no próximo ano como um renomado advogado no folhetim Orgulho e Paixão, que irá substituir Tempo de Amar no horário das seis na Globo. Na trama, ele viverá um triângulo amoroso com Alice Wegmann e Letícia Persiles.