Rinomodelação: uma técnica que ganha cada vez mais adeptos

Edu Coutinho Colunista de Entretenimento

Um dos procedimentos mais procurados por homens e mulheres nos últimos anos é a rinimodelação. Enio Leite, cirurgião dentista e especialista no assunto, explica que existem duas técnicas. Uma delas é o procedimento feito com fios de nylon, material bem aceito pelo corpo humano. A outra é o preenchimento com ácido hialurônico.

Quem aderiu recentemente aos procedimentos de harmonização facial foi a ex-BBB Eslovênia Marques. A sister, além de usar preenchedores nos lábios e malar, fez também a rinomodelação com ácido. Enio Leite explica que nada mais é do que a modelação do nariz sem cirurgia e que a durabilidade é menor se comparado com o fio de nylon que o resultado é definitivo.

 

A ex-BBB Eslovênia Marques. Foto: divulgação

 

“Com ácido hialurônico é possível elevar a pontinha do nariz e corrigir algumas imperfeições. Já com o fio de nylon o procedimento é mais completo. Conseguimos elevar, afinar ou projetar a ponta do nariz, corrigindo o contorno e em alguns casos pode até diminuir levemente o comprimento ou as asas nasais. É feito um reposicionamento das cartilagens, depois de cicatrizado o resultado é definitivo”.

 

Enio Leite, cirurgião dentista e especialista no assunto. Foto:

 

Nos últimos anos o nariz foi uma das partes do rosto que ganhou protagonismo quando o assunto é autoimagem. Isso porque com o boom das selfies, chamadas de vídeos, reuniões virtuais, muitas pessoas começaram a reparar mais minuciosamente os detalhes do rosto, já que ele sempre fica em primeiro plano.

Para se ter uma ideia, segundo dados do Google Trends, uma ferramenta do Google que mostra os assuntos mais pesquisados, durante a pandemia, as buscas por cirurgia corretiva de nariz aumentaram em 4.800%.

“O nariz é o centro da face, local onde os detalhes fazem grande diferença, exercendo muita influência na harmonia estética do rosto”, fala o especialista.

Enio ressalta ainda que o uso excessivo de filtros nas redes sociais acabou criando um objeto de consumo inalcançável, ou seja, muitos se projetam nos filtros, querendo ter o rosto que estão vendo.

“É por isso que é importante escolher um profissional capacitado, pois ele vai respeitar e dosar o limite de cada um, sem afetar a saúde do paciente, pois não existe um padrão de beleza, cada rosto tem sua particularidade e o meu papel é esconder pequenas imperfeições e ressaltar aquilo que ele tem de mais belo”, finaliza.

Tags:, , , , ,

Deixe sua resenha!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *