• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após quatro contratações, Renato Gaúcho cobra reforços de peso no Grêmio

  • COMPARTILHE
Esportes

Após quatro contratações, Renato Gaúcho cobra reforços de peso no Grêmio

Porto Alegre - Renato Gaúcho não está satisfeito com a movimentação do Grêmio no mercado de transferências. Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, o treinador deixou claro que o clube precisa de mais reforços que cheguem para serem titulares. De acordo com ele, os quatro novos atletas do clube - Leonardo, Léo Moura, Michel e Jael - são para "compor o elenco".

"(Ao sair de férias) deixei uma lista de jogadores para que a diretoria pudesse contratar, mas esbarra na parte financeira. Pedidas altas, onde o clube não tem condições de contratar. Todo mundo sabe que o Grêmio foi campeão, mas precisa ser reforçado. Tenho cobrado a diretoria diariamente. Esses reforços que estão chegando eu pedi para compor o grupo", disse Renato.

O tom, porém, não foi de cobrança à diretoria. O treinador deixou claro que entende que o mercado está complicado, ainda mais para um clube que não está com o cofre cheio. Citou o exemplo do meia Jadson, que interessaria ao Grêmio se não pedisse valores tão altos.

"O Jadson, quem não queria? Agora, é aquele negócio, dentro daquilo que o clube possa fazer sem cometer loucuras. Os nomes estão sendo dados, gostaria de contar com esses jogadores, a diretoria gosta dos nomes, o problema é a parte financeira", admitiu.

Por enquanto, chegaram ao Grêmio os laterais-direitos Leonardo (ex-Boa) e Léo Moura (ex-Santa Cruz), o volante Michel (ex-Atlético-GO) e o atacante Jael (ex-Joinville). São movimentações que apenas repõem saídas como as de Moisés (emprestado à Chapecoense), Wallace Reis (seguiu para a Turquia) e Fred (emprestado ao Vitória).

O próximo reforço deve ser o atacante Beto da Silva, que já chegou a Porto Alegre para assinar contrato. Peruano filho de brasileiro, ele chegou a jogar nas categorias de base do Grêmio, mas se formou jogador no Sporting Cristal, do Peru. Em 2016, defendeu o time B do PSV, da Holanda. Mesmo assim, vem sendo convocado para a seleção principal do Peru.

De acordo com Renato Gaúcho, a contratação de Beto não foi indicação dele, diferente dos demais. "A diretoria pediu que eu assinasse embaixo, mas é ela que está trazendo. Espero que ele chegue aqui e possa render e nos ajudar em todos os sentidos."