• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Baptista diz que apenas detalhes emperram chegada de Felipe Melo ao Palmeiras

Esportes

Baptista diz que apenas detalhes emperram chegada de Felipe Melo ao Palmeiras

A expectativa pela chegada de mais contratações ainda existe, inclusive para o setor ofensivo. O novo treinador torce para ao menos conseguir minimizar a saída do atacante Gabriel Jesus

Felipe Melo já está em São Paulo para cuidar da transferência Foto: Divulgação

São Paulo - O técnico do Palmeiras, Eduardo Baptista, evitou falar nesta quinta-feira, durante a sua apresentação oficial, sobre reforços. A principal expectativa da torcida é pelo anúncio do volante Felipe Melo, contratação que, segundo o novo treinador da equipe, depende de poucos detalhes para ser concluída e finalmente anunciada pela diretoria.

"A negociação está sendo tratada e ainda faltam detalhes. Primeiro eu espero a diretoria anunciar. É uma forma de respeito. Depois que acertar e apresentar, falamos sobre ele", afirmou. Na noite de quarta-feira, o jogador publicou em uma rede social a imagem de um porco. Já o clube colocou o desenho de uma caneta rabiscando uma folha, uma possível referência à assinatura do contrato.

Felipe Melo já está em São Paulo para cuidar da transferência e pode ser o quinto reforço do clube para 2017. Os outros foram os meias Hyoran (ex-Chapecoense), Raphael Veiga (ex-Coritiba), Alejandro Guerra (ex-Atlético Nacional) e Michel Bastos (ex-São Paulo). A equipe se apresenta para a pré-temporada na próxima terça-feira.

A expectativa pela chegada de mais contratações ainda existe, inclusive para o setor ofensivo. O novo treinador torce para ao menos conseguir minimizar a saída do atacante Gabriel Jesus para o futebol inglês, onde vestirá a camisa do Manchester City.

"Ele teve papel importante no título brasileiro e também na seleção. Falar em suprir a ausência dele no futebol mundial é complicado. Mas o Palmeiras possui um elenco muito qualificado. Se vamos contratar ou não, será tratado internamente", explicou.