• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Kazim liga para Drogba e diretor corintiano diz não sentir firmeza em negociação

Esportes

Kazim liga para Drogba e diretor corintiano diz não sentir firmeza em negociação

São Paulo - A negociação entre Corinthians e Drogba "não andou" de sábado para domingo, nas palavras do diretor de futebol Flávio Adauto, que deu uma declaração curiosa em entrevista à Rádio Jovem Pan. Além de admitir que não vê firmeza na contratação, o dirigente disse que pediu para o atacante recém-contratado Kazim ligar para Drogba, de quem é amigo desde quando atuavam no Galatasaray, da Turquia. E a resposta do atacante marfinense foi preocupante.

"Eu vou até fazer uma inconfidência. Vocês sabem que eu sou linguarudo, sou bocudo. Ontem (sábado), um jogador do Corinthians chamado Kazim, não vou esconder, conversou longamente com o Drogba, a nosso pedido. E o Drogba disse que estava sem saber o que estava acontecendo", afirmou Adauto.

Na entrevista, o dirigente que comanda o futebol do Corinthians reafirmou que a negociação começou como uma ideia do departamento de marketing e ganhou apelo entre torcedores, principalmente nas redes sociais. No entanto, Adauto afirmou que "torce" pelo acerto, mas não vê a contratação de Drogba como algo fácil e rápido.

"O que dizer para o torcedor hoje? Quero muito que ele venha, mas acho muito difícil que isso ocorra. Não posso ser penalizado por achar que vai ser muito difícil. Quero que venha, mas não acredito firmemente que venha, porque eu acho que uma negociação desse tipo leva muito tempo."

QUEM NEGOCIA COM DROGBA? - A contratação de Drogba se transformou em uma queda de braço entre os departamentos de futebol e marketing no Corinthians. Adauto garante que nenhum dirigente do clube está em Londres negociando a vinda de Drogba.

No entanto, o empresário André Campoy, uma das pessoas que cuida das tratativas, diz que o ex-diretor de marketing do Corinthians, Gustavo Herbetta, está na Inglaterra para se reunir com agentes do atacante marfinense.

Herbetta teria levado para Londres uma camisa 11 do Corinthians para dar ao atacante assim que o negócio esteja concretizado. "Eles estão reunidos em Londres, a coisa pode se definir hoje (domingo) ou amanhã (segunda-feira), se Deus quiser com uma resposta positiva. Nós pedimos para alguns jogadores ligarem pra ele, fazendo todos os esforços para ele vir", disse Campoy à Rádio Transamérica.

Adauto, mais uma vez, prefere a cautela. "Tenho um grande medo de que a gente frustre a torcida porque não vejo uma negociação com firmeza e com garantia de que o cara vem. Não sei o nosso estágio, houve uma precipitação, mas espero que vingue em nosso favor, com a vinda do jogador."