• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após virar mãe, Isinbayeva retoma treinos visando Jogos do Rio

Esportes

Após virar mãe, Isinbayeva retoma treinos visando Jogos do Rio

Moscou - Afastada das competições desde agosto de 2013, a russa Yelena Isinbayeva retomou nesta semana seus treinos visando os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, quando deve fazer sua despedida do esporte profissional. A musa do salto com vara voltou aos trabalhos após realizar o sonho de ser mãe. Sua filha, Eva, nasceu em junho do ano passado.

"Chegou o momento de voltar e retomar os treinos", afirmou a bicampeã olímpica, em entrevista à agência All Sport. "Não fiquei feliz com minha performance nos Jogos de Londres", disse a atleta de 32 anos, que precisou se contentar com a medalha de bronze em solo britânico. O sonho do tricampeonato foi adiado para o Rio de Janeiro.

Para tanto, Isinbayeva está recuperando aos poucos seu preparo físico, há cerca de um ano e meio da Olimpíada brasileira. "Durante meu primeiro treino, não consegui correr nem 400 metros. Só pude fazer uma 'barra' e sete 'apoios'. Tudo estava 'enferrujado', afinal fiquei quase dois anos sem fazer treinos físicos", declarou a russa.

Ela decidiu retomar as atividades por acreditar que sua filha não precisa mais de atenção intensiva, como aconteceu logo após o nascimento. "Eva já tem sete meses e está se tornando mais independente. Sinto que tenho energia que ainda não usei", afirmou, referindo-se à disposição de disputar mais uma Olimpíada.

Em seu retorno, Isinbayeva não sonha apenas com a medalha de ouro. Ela quer novo título olímpico com direito a recorde mundial. A meta é alcançar os 5,07 metros - a melhor marca é 5,06 metros. "Eu realmente quero cravar um novo recorde mundial".

A musa do atletismo acredita que tem grandes chances de voltar aos torneios com boas vitórias, diante dos atuais resultados do salto com vara. "Em 2014 e neste ano até agora o máximo tem sido 4,80 metros. Olho para estes resultados modestos e fico feliz", afirmou.