• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Árbitro mineiro decide processar Ganso por ofensas após o jogo

Esportes

Árbitro mineiro decide processar Ganso por ofensas após o jogo

São Paulo - O árbitro Ricardo Marques Ribeiro, do quadro da Federação Mineira de Futebol, vai processar o meia do São Paulo, Paulo Henrique Ganso, pelas ofensas ditas pelo jogador ao fim do clássico com o Corinthians, na última quarta-feira, pela Libertadores. Ribeiro vai acionar o departamento jurídico da Associação Nacional dos Árbitros do Futebol (Anaf) para tentar uma punição ao jogador.

Ribeiro é diretor de assuntos internacionais da entidade e apitou o clássico vencido por Corinthians por 2 a 0 na última quarta-feira. No jogo, recebeu muitas reclamações do são-paulinos no lance do gol marcado por Jadson. No lance, Emerson teria cometido falta no lateral-direito Bruno antes de roubar a bola e armar o contra-ataque que culminou com o gol.

Os jogadores do clube do Morumbi se irritaram com a jogada e Ganso reclamou após a partida. "Aquilo não foi erro, foi roubo. Se tivesse o Serginho Chulapa no vestiário ele ia lá e batia no árbitro. Mas hoje em dia não pode mais isso no futebol", disse o meia ao SporTV ao deixar o campo. "O que ele (árbitro) fez foi palhaçada. Ele tinha que sair de camburão daqui", comentou.

A Conmebol ainda não se pronunciou sobre o incidente, mas também pode punir o meia em pelo menos dois jogos. O Regulamento Disciplinar da Conmebol prevê sanções para quem tomar atitudes consideradas agressivas ou difamatórias durante os torneios da entidade.