• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Breno reinicia recuperação física no gramado, mas ainda não tem previsão de volta

Esportes

Breno reinicia recuperação física no gramado, mas ainda não tem previsão de volta

São Paulo - O zagueiro Breno, do São Paulo, reiniciou nesta sexta-feira o trabalho de recuperação física depois de ter sofrido um estiramento na coxa-esquerda. O jogador retomou o trabalho no gramado orientado pelos preparadores físicos, com corridas leves e alongamento em trabalhos durante dois períodos. Ainda não há previsão para a estreia dele.

"Foi um recomeço, como tem sido todo este processo para mim. Sei que ainda preciso de tempo para ficar à disposição, mas estou muito feliz com esta nova etapa", disse o jogador em entrevista ao site do clube. "Passo a passo quero cumprir todas as etapas com os preparadores físicos antes de poder treinar com o Muricy".

O defensor passou pelo drama de ficar preso na Alemanha e agora já comemora a chance de poder conviver com os companheiros de equipe. "É gostoso poder ficar perto dos meus companheiros de novo, porque ajuda no entrosamento e na convivência também. É mais gostoso esse ambiente de futebol mesmo. A minha hora vai chegar e, por isso, cumprirei todas as etapas que a comissão técnica estipulou", finalizou.

O São Paulo ainda não jogou no Morumbi em 2015 e apesar dos dois próximos jogos do time serem no estádio, a torcida tem encontrado dificuldades para comprar ingressos para as partidas. O clube admitiu nesta sexta-feira a existência de problemas na comercialização dos bilhetes para os encontros diante do Osasco Audax, neste sábado, e o Danubio, na quarta-feira.

"O motivo (dos problemas) foi a troca da empresa que gerencia a venda dos ingressos e também pela complexidade do processo de mudança", diz o São Paulo em nota oficial. Em 2015, o clube contratou a empresa portuguesa Smartmove para cuidar da bilheteria e do controle de acesso nos jogos. A companhia trabalhou na última Copa nos estádios do Itaquerão, Beira-Rio e Castelão.

De acordo com o São Paulo, a venda agora já está normalizada. Para a partida deste sábado, os ingressos custam a partir de R$ 40. Já diante do Danubio, o clube optou por cobrar mais caro: R$ 120. A medida tem o objetivo de priorizar os participantes do programa de sócio-torcedor, que vão pagar R$ 40.