• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Dorival minimiza cobranças da torcida do Santos e nega defesa exposta

  • COMPARTILHE
Esportes

Dorival minimiza cobranças da torcida do Santos e nega defesa exposta

Santos - Foi apenas a primeira derrota do Santos em 2017, mas os jogadores e o técnico Dorival Júnior já ouviram cobranças da torcida após o triunfo do São Paulo por 3 a 1, na noite de quarta-feira, na Vila Belmiro, pela terceira rodada do Campeonato Paulista. Questionado sobre a situação depois do clássico, o treinador minimizou as cobranças.

"Quando os resultados não acontecem, um jogador ou outro, ou até o próprio treinador, são xingados. Isso é normal", afirmou Dorival, avaliando que esse tipo de cobrança faz parte da cultura do futebol e garantindo que a situação não pressiona o Santos já neste começo de temporada.

Em sua avaliação do confronto, Dorival enxergou superioridade do Santos no primeiro tempo, quando o time abriu o placar com Copete, após bela jogada de Vitor Bueno, e levou o empate em pênalti convertido por Cueva. Mas ele reconheceu que o time não apresentou o mesmo nível de atuação na segunda etapa, quando foi vazado duas vezes por Luiz Araújo.

Dorival, porém, evitou críticas ao sistema defensivo do Santos, que já sofreu sete gols em três rodadas do Paulistão e negou que o time esteja muito exposto neste começo de temporada. "Sofremos gols em saída de bola errada e aí o São Paulo explorou os contra-ataques", disse.

Derrotado, o Santos caiu para o segundo lugar no Grupo D do Paulistão, com seis pontos. O time tentará se reabilitar no próximo sábado, quando receberá a Ferroviária, na Vila Belmiro, pela quarta rodada da competição.