• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Flamengo vence o Bangu, mas desperdiça chance de assumir a liderança

Esportes

Flamengo vence o Bangu, mas desperdiça chance de assumir a liderança

Rio - O Flamengo venceu o Bangu por 2 a 1 na noite desta quarta-feira, no Maracanã, e chegou ao segundo lugar do Campeonato Carioca. Na verdade, o time foi beneficiado com o tropeço do Botafogo mais cedo (empatou com o Barra Mansa por 1 a 1), e agora soma o mesmo número de pontos do rival, 29, mas está em desvantagem no saldo de gols. Todos os gols da partida foram marcados no segundo tempo, quando o Flamengo, muito desfigurado, por causa de desfalques, atuou com mais vontade.

Mais presente em campo, embora com um time sem entrosamento, o Flamengo esteve próximo de fazer o gol por algumas vezes no primeiro tempo. A trave salvou o Bangu em duas oportunidades e o goleiro Marcio também apareceu bem para evitar a vantagem do Rubro-Negro.

Já o Bangu, que levava perigo nos contra-ataques, teve um gol de Bruno Luiz mal anulado pela arbitragem. O atacante finalizou após um choque do goleiro Paulo Victor com Deivison. Equivocadamente, o árbitro Rodrigo Carvalhaes assinalou falta do banguense no lance.

Com a entrada de Everton no lugar de Gabriel, o Flamengo voltou mais veloz após o intervalo e passou a pressionar o Bangu. Logo no minuto inicial, Eduardo da Silva perdeu gol de dentro da área. Mas, aos 6, Alecsandro, enfim, abriu o placar. Ele aproveitou um passe perfeito de Marcelo Cirino e deslocou o goleiro.

O domínio do Flamengo era amplo e o segundo gol surgiu logo em seguida, num contra-ataque rápido, em que Luiz Antonio deixou Pará sem marcação, livre para marcar. Com os 2 a 0, o Flamengo assumiria o primeiro lugar do Carioca, mas Almir não deixou a liderança com o Fla. Numa jogada bonita do ataque do Bangu, ele driblou Marcelo e chutou no canto de esquerdo de Paulo Victor.

FICHA TÉCNICA:

FLAMENGO 2 X 1 BANGU

FLAMENGO - Paulo Victor; Pará, Marcelo, Frauches e Thallyson (Jorge); Márcio Araújo, Luiz Antonio, Eduardo da Silva; Gabriel (Everton), Alecsandro e Marcelo Cirino (Matheus Sávio). Técnico - Vanderlei Luxemburgo.

BANGU - Márcio; Iago; Sérgio Raphael, Luís Felipe e Guilherme; Ives (Igor Alves), Magno, Raphael Augusto (Anderson Penna) e Almir; Bruno Luiz e Deivison (Matheus Pimenta). Técnico - Mário Marques.

GOLS - Alecsandro, aos 6, Pará, aos 9, e Almir, aos 28 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Rodrigo Carvalhaes.

CARTÃO AMARELO - Marcelo e Pará (Flamengo); Deivison e Iago (Bangu).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Maracanã, no Rio.