• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após saída de médico, Bayern lamenta e Guardiola se diz culpado por derrota

  • COMPARTILHE
Esportes

Após saída de médico, Bayern lamenta e Guardiola se diz culpado por derrota

Munique - O Bayern de Munique garantiu, nesta sexta-feira, lamentar a saída repentina do médico Hans-Wilhelm Müller-Wohlfahrt, cuja surpreendente decisão revelou tensão no clube, no momento em que está sob risco de ser eliminado nas quartas de final da Liga dos Campeões da Europa.

Na última quinta-feira, o médico anunciou que estava deixando o seu cargo após quase quatro décadas trabalhando no Bayern, dizendo que tinha sido responsabilizado sem justificativas pela derrota por 3 a 1 para o Porto um dia antes.

Em um comunicado, ele disse que "o departamento médico do clube foi colocado como o principal responsável pela derrota por razões inexplicáveis". Mueller-Wohlfahrt, de 72 anos, que também é médico da seleção alemã, disse que a confiança necessária para um relacionamento de trabalho bem-sucedido havia sido quebrada.

O técnico do Bayern, Pep Guardiola, disse nesta sexta-feira que a decisão de sair foi uma escolha pessoal do médico. "Eu só posso respeitar essa decisão", disse. "Se perdermos, é sempre culpa minha. Se um jogador está lesionado, não é culpa dos médicos, uma lesão é uma lesão, isso acontece".

O Bayern também se expressou sobre a saída do médico. "O Bayern Munique lamenta a decisão do médico do clube, Hans-Wilhelm Mueller-Wohlfahrt, de sair", disse, acrescentando que o médico e sua equipe realizaram "trabalho de primeiro nível" para o clube e seus jogadores.

O time sofre com uma série de lesões de jogadores importantes, no momento em que se aproxima o final de uma temporada em que busca os títulos da Liga dos Campeões, do Campeonato Alemão e da Copa da Alemanha. Contra o Porto, entre outros, o time não tinha Arjen Robben e Franck Ribery, por exemplo. O jogo de volta das quartas de final será na próxima terça-feira em Munique.

O Bayern enfrenta neste sábado o Hoffenheim, fora de casa, pelo Campeonato Alemão, e também não terá o Philipp Lahm. Bastian Schweinsteiger, David Alaba e Javi Martinez também estão em tratamento de lesões.