• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Argel tira culpa de Sasha por pênalti perdido e cobra mais agressividade do Inter

  • COMPARTILHE
Esportes

Argel tira culpa de Sasha por pênalti perdido e cobra mais agressividade do Inter

Porto Alegre - O Internacional ficou no empate sem gols com o São José, neste sábado, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, pela rodada de ida das semifinais do Campeonato Gaúcho, e o lance capital da partida foi o pênalti perdido pelo atacante Eduardo Sasha, aos 39 minutos do segundo tempo, que poderia ter dado a vitória ao clube colorado. Na entrevista coletiva pós-jogo, o técnico Argel Fucks isentou o jogar de culpa.

"O Sasha é quem bate. É ele que treina. A responsabilidade não é do Sasha. É minha. Tudo o que aconteceu no jogo de hoje (sábado), a gente trabalhou. A gente esperava que o São José vinha assim, por isso saímos com uma formação mais ofensiva. Nós precisávamos ter transformado as situações em gols", disse Argel, lembrando a boa atuação do rival, que terminou a fase de classificação em segundo lugar, à frente do Internacional.

"O São José se manteve com a linha de quatro, com os três volantes na defesa, protegendo o setor defensivo. O goleiro esteve numa fase muito boa, pegou até pênalti. Tivemos oportunidade, não fomos felizes. Os jogadores correram, lutaram, foram incansáveis. Fizeram o possível e o impossível, mas a bola não entrou", afirmou o treinador.

Argel livrou a cara de Sasha, mas não a do time em geral. Ele tratou de cobrar a falta de pontaria de seus jogadores ao não conseguir abrir o placar. "Faltou mais movimentação, agressividade e faltou o gol. O jogo não foi bom tecnicamente. Os espaços diminuíram, se encontraram as duas melhores defesas do campeonato. A gente não teve a tranquilidade, a eficácia para fazer o gol. O gol nos daria mais espaço, mexeria no sistema defensivo", comentou.

Com o empate sem gols na ida, o Internacional se classifica para a final do Gauchão com um empate com gols no jogo da volta, no estádio Passo D'Areia, em Porto Alegre, no próximo sábado. Nova igualdade em 0 a 0 leva a decisão para os pênaltis.