• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Britânico Joshua nocauteia rival no 2º round e conquista cinturão dos pesados

Esportes

Britânico Joshua nocauteia rival no 2º round e conquista cinturão dos pesados

Londres - O britânico Anthony Joshua venceu neste sábado por nocaute no segundo round o norte-americano Charles Martin e conquistou o cinturão dos pesos pesados da Federação Internacional de Boxe (FIB), em luta que aconteceu na O2 Arena, em Londres.

A vitória mantém o impecável retrospecto de Joshua. Medalhista de ouro na Olimpíada de 2012, ele possui 16 vitórias em 16 lutas como profissional. Todas por nocaute. A conquista deste sábado veio sem grandes dificuldades. No segundo round, o britânico conseguiu derrubar duas vezes Martin, o segundo com um direto no queixo que deixou o adversário sem poder de reação.

A disputa do cinturão da FIB aconteceu após uma polêmica fora dos ringues. Em novembro do ano passado, o britânico Tyson Fury venceu o ucraniano Wladimir Klitschko e conquistou o cinturão da FIB, da Associação Mundial do Boxe e da Organização Mundial de Bixe. No entanto, ele se recusou a fazer uma defesa imediata do cinturão contra outro rival ucraniano, Vyacheslav Glazkov, porque preferia antes dar a revanche a Klitschko.

A FIB optou por conceder seu cinturão a Charles Martin, que superou Glazkov, em janeiro, quando o ucraniano lesionou o joelho durante o combate e depois marcar o combate contra Joshua.

Após assegurar a invencibilidade, Joshua, de 26 anos, prefere ficar longe das polêmicas. "Não vou me empolgar demais", comentou após a vitória. "Preciso continuar evoluindo. O David Haye está me desafiando. O Tyson Fury está me desafiando. Vou evoluir para continuar lutando em alto nível", completou.

Ele também não tem do que reclamar. A vitória deste domingo ainda teve um detalhe a mais para ser comemorado. Ao derrubar Martin, Joshua tornou-se o primeiro lutador a vencer o título dos pesados ao mesmo tempo em que detém a medalha na maior divisão de peso do boxe olímpico, o super pesado.