• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após negociar com o Corinthians, Drogba fecha com time dos Estados Unidos

  • COMPARTILHE
Esportes

Após negociar com o Corinthians, Drogba fecha com time dos Estados Unidos

Phoenix - Depois de uma longa novela, que chegou a incluir uma negociação frustrada com o Corinthians, o veterano Didier Drogba finalmente definiu seu destino nesta quarta-feira. Ele foi anunciado como novo reforço do Phoenix Rising, clube do Arizona, nos Estados Unidos, que disputa a United Soccer League (USL), liga norte-americana considerada uma espécie de segunda divisão do país, e tentará entrar na Major League Soccer (MLS).

Aos 39 anos, Drogba terá em Phoenix sua última escala antes de abandonar os gramados, e, pensando nisso, ele já terá funções extracampo no novo time. Além de atuar como centroavante, o marfinense também se juntou ao grupo que administra o clube e trabalhará como dirigente no Rising.

"Queremos que nosso clube e nossa cidade sejam sinônimos de excelência internacional, e Didier Drogba é a prova do comprometimento do Phoenix Rising com esta missão", disse o presidente do clube, Berke Bakay. "O futebol é uma linguagem internacional entendida pelos fãs de esporte por todo o mundo, e queremos ajudar a inspirar a fluência entre os torcedores onde formos jogar."

Drogba será peça fundamental na candidatura do Rising a uma das quatro vagas que serão abertas na MLS nos próximos anos. O clube criado em 2014 confia que com o astro, e com a nova arena construída este ano, terá boas chances de ficar com um destes lugares e finalmente entrar no principal campeonato de futebol dos Estados Unidos.

Mas antes de confirmar a ida para o Phoenix Rising, Drogba chegou a ser sonho de consumo do Corinthians, em uma negociação polêmica, com discordância de opiniões dentro do próprio clube. Depois de muitas semanas de conversas e especulações, o time paulista desistiu oficialmente do marfinense no fim de janeiro, através de uma carta.

"Usei o tempo para decidir o que eu queria fazer em seguida e estou realmente animado com a oportunidade no Phoenix Rising", explicou o jogador. "Depois de ver em primeira mão o potencial de expansão do esporte na América do Norte e conhecer o grupo dono do Phoenix, estou convencido de que posso ajudá-los a desenvolver a organização dentro e fora do campo. Estou ansioso para continuar o sucesso na USL, e nenhuma cidade está tão bem posicionada quanto Phoenix para a expansão da MLS."

O Rising será o oitavo clube da carreira de Drogba, que atuou na MLS em 2015 e 2016 com a camisa do Montreal Impact. O marfinense marcou época no Chelsea, onde se tornou ídolo entre 2004 e 2012, e depois em 2014/2015, e conquistou, entre outros títulos, a Liga dos Campeões da temporada 2011/2012.