• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Após perder invencibilidade em Madri, Serena estreia com vitória fácil em Roma

  • COMPARTILHE
Esportes

Após perder invencibilidade em Madri, Serena estreia com vitória fácil em Roma

Roma - Depois de sofrer a sua primeira derrota nesta temporada nas semifinais de Madri, na semana passada, Serena Williams estreou com vitória fácil no Torneio de Roma, nesta terça-feira, ao vencer a russa Anastasia Pavlyuchenkova por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 6/3.

Cabeça de chave número 1 da competição italiana e líder do ranking mundial, a tenista norte-americana precisou de apenas uma hora e dois minutos em quadra para avançar às oitavas de final. Ela já estreou direto na segunda rodada e terá como próxima adversária a vencedora da partida entre a italiana Sara Errani e a norte-americana Christina McHale, programada para esta quarta-feira.

Para confirmar o seu favoritismo nesta terça, Serena foi arrasadora já a partir do primeiro set, no qual confirmou todos os seus serviços e aproveitou as duas chances que teve de quebrar o saque da adversária para fazer 6/1 e abrir vantagem.

Em seguida, na segunda parcial, Pavlyuchenkova até conseguiu converter um de três break points cedidos pela sua adversária, mas viu a norte-americana ser feliz em três de cinco oportunidades de ganhar games no seu saque e acabou batida por 6/3.

Outra tenista de destaque que avançou em jogo encerrado há pouco tempo em Roma foi a bielo-russa Victoria Azarenka. Em confronto válido ainda pela primeira rodada, a ex-líder do ranking mundial venceu a checa Lucie Hradecka por 2 sets a 1, com 7/5, 2/6 e 6/1.

Já a suíça Timea Bacsinszky foi às oitavas de final ao bater a alemã Sabine Lisicki por 6/4 e 6/3. E sua próxima rival será a sérvia Jelena Jankovic, outra ex-número 1 do mundo, que estreou na segunda rodada nesta terça superando a italiana Camila Giorgi por duplo 7/5.

Também estrearam com vitória nesta terça a espanhola Carla Suárez Navarro, a romena Irina-Camelia Begu, a sérvia Bojana Jovanovski e a ucraniana Elina Svitolina, só que em partidas válidas ainda pela primeira rodada.