• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Brasileiros são eliminados logo na estreia do qualifying em Roland Garros

Esportes

Brasileiros são eliminados logo na estreia do qualifying em Roland Garros

Paris - O Brasil viu todos os seus quatro tenistas que buscavam uma vaga na chave masculina de Roland Garros serem eliminados na primeira rodada do qualifying, nesta segunda-feira. Guilherme Clezar, André Ghem, Thiago Monteiro e João Souza, o "Feijão", perderam suas primeiras partidas no classificatório para o Grand Slam francês e não têm mais chances de figurar na disputa.

A maior esperança residia sobre Thiago Monteiro. Número 139 do mundo, o tenista de 21 anos era o 30.º cabeça de chave do qualifying, mas não resistiu ao belga Ruben Bemelmans, 186.º colocado do ranking, e caiu por 2 sets a 0, com duplo 6/3.

Outro que acabou facilmente batido foi João Souza. O "Feijão" segue em queda depois de viver ótimos momentos em 2015 e chegar a ser o número 1 do Brasil. Atualmente 185.º do mundo, ele foi atropelado pelo italiano Andrea Arnaboldi, número 174 do ranking, que fez 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2.

Já Clezar ofereceu mais resistência diante do norte-americano Frances Tiafoe. O brasileiro número 175 do ranking chegou a sair na frente, mas cedeu a virada ao adversário, 188.º do mundo, que venceu por 2 sets a 1, com parciais de 1/6, 7/5 e 6/2.

Por fim, André Ghem também caiu em três sets contra o suíço Henri Laaksonen. Número 166 do ranking, ele viu o 190.º do mundo fazer 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/5), 6/7 (5/7) e 6/2.

Com todas estas eliminações, o Brasil terá somente dois tenistas na chave masculina de simples em Roland Garros: Thomaz Bellucci e Rogério Dutra Silva. Nas duplas, o País contará com Marcelo Melo, atual líder do ranking mundial, Bruno Soares, André Sá, Marcelo Demoliner e Bellucci.

O qualifying de Roland Garros terá sequência nesta terça-feira, quando duas tenistas brasileiras iniciarão a busca por uma vaga na chave principal. Beatriz Haddad Maia e Paula Gonçalves tentarão se juntar a Teliana Pereira, única do País já garantida na chave feminina de simples da competição.