• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Button se diz 'muito relaxado' para retorno à F-1, mas critica preparação

  • COMPARTILHE
Esportes

Button se diz 'muito relaxado' para retorno à F-1, mas critica preparação

Ele vai substituir seu ex-companheiro Fernando Alonso, que disputará as 500 Milhas de Indianápolis, no GP de Mônaco, neste domingo

Depois de dar adeus às pistas no fim do ano passado, Jenson Button estará de volta a uma prova da Fórmula 1 neste fim de semana, pela McLaren. Ele vai substituir seu ex-companheiro Fernando Alonso, que disputará as 500 Milhas de Indianápolis, no GP de Mônaco, neste domingo. E apesar da pressão natural por retornar a um carro da principal categoria do automobilismo após meio ano, o inglês garantiu estar "muito relaxado".

"Eu estou muito relaxado. Muito animado, na realidade. É interessante estar de volta a um GP. Em Mônaco, é ainda mais especial. Já venci aqui. Vivi aqui por 17 anos e tive grandes experiências. Mas não me sinto pressionado, nem um pouco. Obviamente, vou entrar no carro e fazer o melhor trabalho que puder. Isso não mudou", declarou nesta quarta-feira.

Foram 17 anos ininterruptos na Fórmula 1 para Jenson Button, entre 2000 e 2016. Ao longo deste período, o piloto viveu altos e baixos, mas sempre foi elogiado por colegas e rivais. E ele não escondeu que também estava com saudade da convivência com companheiros, do paddock e até das entrevistas coletivas.

"Tem sido incrível. Estou muito feliz por estar de volta ao paddock, mas é ótimo estar aqui de novo com vocês (jornalistas). Esse é o meu mundo, foi minha vida por muitos anos. Nunca vou entrar aqui e simplesmente esquecer. É um sentimento muito especial estar de volta, ver tantos amigos e colegas. É legal, mas minha vida fora da Fórmula 1 também tem sido ótima", afirmou.

O inglês só mudou o tom ao comentar a preparação para prova e lamentou não ter tido a chance de testar a McLaren no Circuito de Montecarlo. "A preparação até foi boa, apesar do fato de não ter pilotado o carro. Estas novas regras... Não está perfeito. Me deram a opção de testar em um dia no Bahrein, mas pensei que era totalmente inútil, já que é um circuito totalmente diferente. Então, achei melhor ficar uns dias no simulador."

Button também se apressou em garantir que este breve retorno às pistas não muda seus planos para o futuro. No fim do ano passado, ele explicou que 2017 seria um ano sabático para ele, mas que poderia voltar a pilotar em 2018. Semanas depois, no entanto, mudou o discurso e indicou que tratava-se de sua aposentadoria definitiva. Agora, o inglês explicou que os planos são de seguir apenas como embaixador da McLaren.

"Isso não mudou. Ainda sou o embaixador da equipe. Alguns dizem que sou o terceiro piloto e neste fim de semana tenho a oportunidade de pilotar o carro. Eu estaria aqui de toda a forma, então, ao invés de ficar assistindo e tomando champagne, posso de fato fazer o que devo fazer, que é pilotar carros como profissão. Tenho muita sorte por estar nesta posição e, como disse, estou muito animado."