• Velocidade do vento

  • Previsão de chuva

  • Nascer do sol

  • Por do sol

Umidade relativa do ar: Índice de raios UV:

Argentina bate Sérvia e encara Bélgica na semi da Davis; Grã-Bretanha na frente

  • COMPARTILHE
Esportes

Argentina bate Sérvia e encara Bélgica na semi da Davis; Grã-Bretanha na frente

Londres - O sábado foi de muita emoção nos jogos de duplas na Copa Davis. Especialmente para a Argentina e para a Bélgica, que conseguiram antecipadamente as suas classificações para as semifinais da competição. Os argentinos impuseram em casa um 3 a 0 na Sérvia, desfalcada do número 1 Novak Djokovic, e os belgas, também como mandantes, já despacharam o Canadá. Agora se enfrentarão entre 18 e 20 de setembro, na Europa.

Empolgados com a incrível virada de Federico Delbonis no dia anterior contra Victor Troicki, que deu o segundo ponto aos argentinos, a equipe sul-americana não deu chances para a sérvia neste sábado. Leonardo Mayer e Carlos Berlocq enfrentaram Troicki e Nenad Zimonjic e ganharam facilmente por 3 sets a 0 - com parciais de 6/2, 6/4 e 6/1, em apenas 1 hora e 28 minutos.

A Bélgica também se aproveitou de desfalques do adversário para chegar à semifinal da Copa Davis pela primeira vez desde 1999. Neste sábado, o ponto da vitória coube a Ruben Bemelmans e ao estreante Kimmer Coppejans, de 21 anos. Eles derrotaram o experiente Daniel Nestor e outro estreante, Adil Shamasdin por 3 sets a 1 - parciais de 7/5, 3/6, 6/4 e 6/3, em 2 horas e 35 minutos de partida. Os canadenses jogaram a série sem os titulares Milos Raonic e Vasek Pospisil.

No outro lado da chave, nada de definição. Em Londres, a Grã-Bretanha contou com os irmãos Andy e Jamie Murray para vencer de virada a dupla da França formada por Jo-Wilfried Tsonga e Nicolas Mahut por 3 sets a 1 - com parciais de 4/6, 6/3, 7/6 (7/5) e 6/1. Assim, os britânicos fizeram 2 a 1 no duelo e a primeira chance de vitória será do atual número 3 do mundo contra Gilles Simon. Na sequência, James Ward enfrentará Tsonga.

Quem passar deste confronto jogará contra Austrália ou Casaquistão, que se enfrentam em Darwin. Neste sábado, os australianos vibraram com o triunfo de Lleyton Hewitt e Sam Groth sobre Andrey Golubev e Aleksandr Nedovyesov por 3 sets a 0 - com parciais de 6/4, 7/6 (7/4) e 6/2, em 2 horas e 25 minutos. O resultado diminuiu a desvantagem australiana para 2 a 1. Neste domingo, primeiro Nick Kyrgios encara Mikhail Kukushkin e, depois, o jovem Thanasi Kokkinakis está escalado para medir forças contra Nedovyesov.